Mercado de Pinheiros, em SP, terá feira de chefs imigrantes neste sábado

FLÁVIA MANTOVANI
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 07.07.2016: Mercado Municipal de Pinheiros, na zona oeste de São Paulo. (Foto: Zanone Fraissat/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Quando o Mercado Municipal de Pinheiros foi inaugurado, onde hoje fica a avenida Brigadeiro Faria Lima, em 1910, São Paulo recebia um grande fluxo migratório de italianos, japoneses, portugueses, alemães e espanhóis.

Neste sábado (25), aniversário da cidade, o espaço vai homenagear estrangeiros de uma leva mais recente de migração para cá, com uma feira gastronômica reunindo chefs da Venezuela, Síria, Colômbia, Peru, México e Camarões.

O mercado, que foi remodelado recentemente e ficou mais sofisticado –com pizzaria napolitana, cevicheria de chef badalado e loja de Alex Atala dividindo o espaço com bancas de frutas–, vai receber a feira como atividade de encerramento de um evento internacional chamado Expedição Foggo, que começou no dia 18, com a presença de chefs estrelados do Brasil e de fora.

Entre as comidas vendidas, todas a preços entre R$ 20 e R$ 25, estão arepas venezuelanas, ceviche peruano, nachos com guacamole mexicanos, sanduíche de falafel sírio, patacones colombianos e fufu com molho de espinafre camaronês.

A feira começa no fim da tarde (às 18h) e vai até as 23h. Haverá show da artista Léla Simões.

Segundo o coordenador da expedição Foggo, o chef gaúcho Marcos Livi, a partir de março a “Feira de Refugiados no Mercado de Pinheiros” se tornará semanal, realizada todos os domingos.


FEIRA GASTRONÔMICA DE IMIGRANTES

Onde: Mercado Municipal de Pinheiros (R. Pedro Cristi, 89, São Paulo)

Quando: sábado (25), das 18h às 23h

Quanto: grátis