Membros da SP Companhia de Dança contraem Covid-19 e temporada é adiada

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - As apresentações da São Paulo Companhia de Dança desta temporada, que aconteceriam entre os dias 24 e 27 de junho, no Teatro Sérgio Cardoso, foram adiadas. A mudança de datas ocorre devido ao surgimento da Covid-19 entre membros do grupo. O anúncio foi feito nas redes sociais da Companhia, nesta terça (22).

Os casos foram identificados durante as testagens regulares feitas pela equipe.

"A saúde é prioridade inquestionável para o funcionamento dos programas e instituições culturais. Em consequência, esta medida foi tomada para garantir a segurança do público, da equipe dos bailarinos, da produção e dos técnicos", afirma a nota divulgada pela SPCD.

"As novas datas das apresentações estão previstas para setembro e serão divulgadas em breve."

Quem comprou ingressos para a temporada, ou é assinante da São Paulo Companhia de Dança, pode ver as apresentações posteriormente ou solicitar o reembolso pelo chat disponível no site de venda do evento --em caso de compra em dinheiro, é necessário comparecer presencialmente à bilheteria do teatro.

As estreias desta temporada são "Les Sylphides (Chopiniana)" e o segundo ato de "Giselle". Entre as bailarinas, há 11 contratadas na última audição da Companhia, das quais cinco são negras, uma significativa mudança nas apresentações da SPCD.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos