Mel Maia apaga vídeo após acusações de machismo e se justifica

Redação Vida e Estilo
·1 minuto de leitura

A atriz Mel Maia virou trending topic no Twitter na manhã de quarta-feira (25) após postar um vídeo em seu Instagram no qual aparecia com o corpo coberto e a legenda “como não ser assediada”.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Alguns seguidores interpretaram a fala da atriz como machista, afirmando que o vídeo apontava que a mulher é culpada quando sofre assédios e que o correto é se vestir de maneira recatada.

Veja também

Preocupada com a repercussão, a atriz apagou o vídeo original e se explicou nos stories de seu perfil no Instagram, afirmando que o tom era de ironia e de crítica social. “Eu vi que tinha algumas pessoas comentando sobre o vídeo da roupa, e foi mais uma ironia, mesmo. Porque quem é mulher entende que a gente se sente mais confortável saindo na rua daquele jeito, apesar do erro não ser a roupa”, explicou Maia.

“Preferi tirar o vídeo para vocês não entenderem errado. Toda mulher sabe o que é ser assediada de burca, de calça, de short. O erro não é a roupa, só para deixar isso claro para vocês”, completou a atriz.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube