Mel C canta com Gloria Groove e comenta como Spice Girls inspiraram público LGBT

Mel C e Gloria Groove no "Altas Horas". Foto: reprodução/TV Globo

A nostalgia bateu forte no “Altas Horas” do último sábado, 27, com a presença de Mel C. Para os fãs brasileiros das Spice Girls, ouvir sucessos do grupo, como “Viva Forever”, foi ainda mais especial, já que a cantora britânica convidou Gloria Groove para a apresentação.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“Quando me falaram que a Mel disse que faria todo sentido ela estar no programa se ela pudesse ter um encontro com alguém que representasse o orgulho, isso me emocionou demais. Quero ver cada vez mais artistas globalmente conhecidos tomando atitudes como essa. Isso é maravilhoso! A gente precisa de aliados, essa é a verdade”, celebrou Gloria.

Leia também:

No programa, Mel C comentou sobre seu novo álbum e sobre a parceria que firmou com um coletivo de drag queens. “Acabei de começar a turnê mundial, ‘Pride’. Os primeiros shows foram aqui em São Paulo. Estou trabalhando com um coletivo maravilhoso. Drag queens maravilhosas do grupo Sink the Pink. São fabulosas, eu as adoro. São lindas por dentro e por fora”, disse.

Segundo a britânica, o grupo, que ela conheceu em Londres, serviu de inspiração para a nova turnê e a música “High Heels”, que tem uma mensagem importante. “Devemos nos amar mais do que a qualquer outra pessoa. É uma letra muito especial para mim e fala de algo muito importante para todo mundo. Também estou trabalhando umas músicas novas e vocês terão novidades nos próximos meses", prometeu.

Mel C no "Altas Horas". Foto: divulgação/TV Globo

Mel C comentou a relação especial que desenvolveu com a comunidade LGBT ao longo da carreira, desde a época das Spice. “A gente recebe mensagens incríveis das pessoas. Falamos da inspiração e da força que as Spice Girls deram a eles. E com isso, eu me apropriei da Sporty Spice, da Melanie C, de ser mãe, amiga, e tudo mais. Não precisamos nos colocar em caixinhas. E sou muito grata por isso”, disse.

A recente reunião com as colegas do grupo, para uma série de apresentações que levaram os fãs à loucura, foi uma experiência e tanto para a cantora. “Quando me reuni com as meninas há poucas semanas agora como uma mulher de 45 anos eu me perguntei ‘Quem é a Sporty Spice? Quem sou eu?’ Logo percebi que ela nunca tinha ido embora. Ela ainda é uma grande parte de quem eu sou”, disse.

A cantora agradeceu ao público brasileiro por fazê-la se sentir especial e bem-vinda e afirmou que o país ocupa um lugar especial no seu coração. “Sempre tive ótimos momentos no Brasil. Estive aqui há dois anos e foi uma viagem supercorrida. Mal tive tempo de passear. Fiquei entre estúdios de TV, aeroportos, vans. Mas desta vez tive mais tempo para passear por São Paulo. Sair à noite, absorver a cultura mesmo. Tem sido incrível, estou adorando”, comentou.