Mc Poze dá R$ 20 mil a porteiro que foi demitido após gorjeta: “Nós sofre a covardia”

·2 min de leitura
Poze ajudou um segurança que foi demitido de seu trabalho (foto: reprodução / instagram @pozevidaloucaoficial)
Poze ajudou um segurança que foi demitido de seu trabalho (foto: reprodução / instagram @pozevidaloucaoficial)

Resumo da Notícia:

  • O cantor havia dado uma gorjeta ao profissional que foi demitido por aceitar o agrado

  • Ao saber da história, Poze enviou um pix de R$ 20 mil para o rapaz que foi demitido

  • O funkeiro comentou o caso nas redes sociais e criticou a empresa que o rapaz trabalhava

MC Poze ganhou as redes sociais nesta terça-feira (11) após ajudar um dos porteiros de seu condomínio. O profissional foi demitido pela administração após ganhar uma gorjeta do cantor. Ele é um dos maiores cantores de funk e trap do país.

Nesta segunda-feira (10) o cantor saiu distribuindo notas de R$ 100 e uma delas foi dada ao segurança, e porteiro, do seu condomínio como uma gorjeta para “tomar um café”, como compartilhou nas redes sociais. O vídeo viralizou e chegou à chefia do rapaz.

O segurança colocou o valor em seu Bilhete Único, para trabalhar, já que ainda não havia recebido o valor do vale transporte da empresa que trabalhava. A informação circulou em um print que ele compartilhou com amigos.

Nas redes sociais Poze chegou a ser criticado por compartilhar as boas ações que fazia e não aceitou: “Pra que todos possa ser assim e o mundo se torna cada vez melhor com essas atitudes”. Dono de alguns dos maiores hits de trap e funk de 2020, ele se surpreendeu quando soube que o rapaz foi demitido.

O profissional foi dispensado porque não deveria “incomodar” os moradores, mesmo tendo recebido apenas um presente de um morador e não tendo pedido. “A empresa demitiu o segurança que aceitou um simples agrado. Isso é muita marola com o trabalhador. Sem neurose, que mundo é esse? Como tem gente que consegue ser assim?”, questinou o cantor nas redes sociais.

Ele também afirmou que fez depósitos para ajudar o profissional que estava sem trabalho. “Te mandarei outro agrado, guerreiro. Espero que ajude. Nós sofre a covardia, mas nunca cometemos ela”, completou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos