Mayra Cardi expõe relação abusiva com a web: "Diziam o que eu tinha que fazer”

·2 min de leitura
Influenciadora desabafou após ataques (Foto: Reprodução/Instagram/@mayracardi)
Influenciadora desabafou após ataques (Foto: Reprodução/Instagram/@mayracardi)

Mayra Cardi passou um tempo afastada das redes sociais e garante que esse período serviu para mudar sua forma de consumir na internet. A influenciadora, que voltou com Arthur Aguiar mesmo depois de descobrir inúmeras traições, afirma que vivia um “relacionamento abusivo" com seus seguidores. Segundo ela, os fãs queriam mandar na sua vida.

"Chegou um determinado momento em que eu entendi que estava vivendo um relacionamento abusivo com a minha rede social. Os meus seguidores diziam a hora que eu tinha que fazer, o que eu tinha que parar de fazer, o que eu podia, o que eu não podia. Isso é um absurdo", desabafa a coach.

Mayra conta que ficou tão sufocada que sentiu que precisava falar de limites e respeito. "A gente tem que estar atenta, cuidar da nossa saúde mental. A rede social é muito perigosa, você tem que se cuidar para não ser um produto, não perder sua personalidade e seus valores", completa.

A pressão dos seguidores sempre existiu, mas triplicou quando ela resolveu perdoar Arthur Aguiar. Muitos acham que a ex-BBB não deveria dar outra chance para o ator. Mayra confessa que pensou muito antes de dar esse passo, mas não poderia agir de outra maneira só para agradar terceiros.

"Trabalho com transformação de pessoas e se eu não acreditasse na transformação dentro da minha casa, eu poderia vender escova de dente, outra coisa. Hoje estou muito segura do que quero e independente do que venha a acontecer no futuro, eu sei o que quero hoje e vou dar o melhor para o meu hoje. Independente do que vão falar, no fim da noite, no seu travesseiro, é você com você mesmo", defende ela.

Para Mayra, o melhor jeito de lidar com a enxurrada de mensagens negativas é tendo certeza da sua decisão. "Quando você tá segura de quem é você e do que você quer, os ataques não te afetam de modo geral. Se uma pessoa for na sua rede social, te chamar de burra e você tiver dúvida do seu QI ou do quanto você é inteligente, aquilo ali vai te magoar. Mas quando aquilo ali não é sobre você e sim sobre quem está falando, aquilo não te afeta mais", reflete.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos