Max teve morte cerebral ao final de “Stranger Things 4”, revelam irmãos Duffer

Sadie Sink como Max no último episódio da quarta temporada da série
Sadie Sink como Max no último episódio da quarta temporada da série "Stranger Things". (Foto: Divulgação/Netflix)

Matt e Ross Duffer, criadores de “Stranger Things”, revelaram que o destino de Max no final da quarta temporada foi pior do que muitos imaginavam. Após sobreviver ao segundo ataque do Vecna, a personagem de Sadie Sink sofreu várias fraturas e ficará com sequelas.

Em entrevista ao podcast Happy Sad Confused, os showrunner confirmaram que personagem ainda está viva, mas teve morte cerebral. “Ela teve morte cerebral, mas sim, ela está viva. Ela também está cega e todos os seus ossos estão quebrados, mas é, ela está indo bem [risos]. Ela já viu dias melhores”, declararam.

No último episódio da quarta temporada, Max chega a morrer por um minuto inteiro, mas Eleven (Millie Bobby Brown) não aceita perder a melhor amiga e encontra uma forma de trazê-la de volta de um jeito misterioso. Ao acordar, a personagem ainda está com o corpo machucado e afirma que não consegue enxergar.

Matt e Ross Duffer, os criadores da série, já confirmaram que a quinta temporada terá um salto temporal. A decisão foi tomada para igualar a idade dos personagens a dos atores, que já não são mais adolescentes como no início da produção.

Os irmãos Duffer já confirmaram que começam a escrever a última temporada de “Stranger Things” em agosto, que segue sem data de estreia até o momento.

O que já sabemos sobre a quinta temporada de “Stranger Things”?

O final da quarta temporada deixou claro que o confronto contra Vecna ainda não acabou. Após a cidade ser destruída pela criatura, os personagens descobrem que o Mundo Invertido começou a se expandir pelas frestas da colisão causada pelo monstro e está "vazando" para o Mundo Real.

De acordo com a dupla de showrunners, a última temporada será encerrada com um episódio tão longo quanto "O Retorno do Rei", a terceira parte de “O Senhor dos Anéis”, que possui três horas e 21 minutos de duração.

"Pela primeira vez, nós não encerramos as coisas no final da [temporada] 4, então vai estar em movimento”, disse Matt a EW. “Eu não sei se vai estar a 160 quilômetros por hora no início de 5, mas vai se mover muito rápido. Os personagens já estarão em ação. Eles já terão um objetivo e uma motivação, e acho que isso levará pelo menos algumas horas e fazer esta temporada parecer realmente diferente".