Matthew McConaughey diz que vê a própria morte em sonhos

·2 minuto de leitura
NEW YORK, NEW YORK - FEBRUARY 29: Matthew McConaughey speaks onstage during HISTORYTalks Leadership & Legacy presented by HISTORY at Carnegie Hall on February 29, 2020 in New York City. (Photo by Noam Galai/Getty Images for HISTORY)
Matthew McConaughey, sentado e de pernas cruzadas, fala em evento realizado em 2020 (Foto de Noam Galai/Getty Images for HISTORY)

Resumo da notícia:

  • Matthew McConaughey revelou em entrevista que já viu a própria morte em sonhos

  • O ator se imagina sendo comido por um animal selvagem: "há uma certa grandiosidade nisso"

  • De acordo com o ator, o pai dele dizia que morreria fazendo sexo com a esposa - o que se concretizou

Matthew McConaughey já viu a própria morte em sonhos. Em entrevista ao podcast Sway, do New York Times, o ator de 51 anos falou com naturalidade sobre a forma como imaginar que irá deixar o mundo dos vivos.

O assunto surgiu com base na autobiografia do ator, 'Greenlights' (2020), na qual McConaughey contou que o seu pai, falecido em 1992, previu a forma como iria morrer: fazendo sexo com a mãe do astro de "Interstellar" (2014).

Leia também:

"Ele sempre disse a mim e aos meus irmãos: ‘Rapazes, quando eu me for, estarei fazendo amor com sua mãe’. E foi isso que aconteceu. Ele teve um ataque cardíaco quando chegou ao clímax", escreveu o ator no livro.

Questionado se também já havia pensado sobre a forma como ele irá morrer, McConaughey fez a revelação. "Sim, eu sonhei com isso. Tenho a sensação de que me vou como parte da cadeia alimentar", disse ele.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

O vencedor do Oscar de Melhor Ator por "Clube de Compras Dallas" (2013) ofereceu mais detalhes logo em seguida. "Sonhei com crocodilos. Houve um com um urso. Houve um com um urso pardo", disse ele.

Logo após ser interrompido pelo seu entrevistador, o astro disse que não se incomoda com essa ideia de morte. "Eu prefiro ir embora desse jeito do que levar um tiro de alguém no carro", comparou.

"Sabe, vou escolher [uma morte] que faz parte da ordem natural. Há uma certa certa graciosidade nisso. Pode ser feio, doloroso e sangrento, mas pelo menos faz parte da ordem natural. Por isso, vou comprar [essa ideia]", finalizou o ator.

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos