Mark Hamill faz homenagem a Carrie Fisher: 'Nossa princesa'

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Carrie Fisher
    Carrie Fisher
    Atriz estadunidense conhecida por interpretar a Princesa Leia na franquia Star Wars
  • Mark Hamill
    Mark Hamill
    Ator e escritor americano

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ator norte-americano Mark Hamill, 70, conhecido por interpretar Luke Skywalker na saga de filmes "Star Wars", fez uma homenagem a Carrie Fisher, no aniversário de quatro anos da morte da atriz que viveu a princesa Leia nos filmes.

"Em memória amorosa de nossa princesa, Carrie Fisher", escreveu o veterano na legenda da publicação feita nesta segunda-feira (27). Fisher faleceu no ano de 2016, ela tinha 60 anos e teve um ataque cardíaco durante um voo entre Londres e Los Angeles e foi internada em estado grave assim que o avião pousou, mas não resistiu e morreu.

Em 2019, a revista Vanity Fair acompanhou as filmagens de "Star Wars: A Ascensão de Skywalker" em um deserto da Jordânia, repleto de telas verdes (usadas para criar efeitos especiais). O longa era continuação de "Star Wars: O Despertar da Força" (2015), do mesmo diretor.

Na entrevista, o diretor contou como conseguiu incluir Carrie Fisher na produção. A história ocorria após os acontecimentos de "Star Wars: Os Últimos Jedi" (2017). Quem assistiu ao "Despertar da Força" sabe que a protagonista Rey (Daisy Ridley) termina o longa encontrando Luke Skywalker (Mark Hamill) -o último jedi- e pede que ele a ensine a controlar a "Força".

A morte de Carrie Fisher era sentida pelos produtores do filme. J. J. Abrams deu um jeito que incluí-la na história, já que a personagem é uma das últimas sobreviventes da família Skywalker. "De repente, eu encontrei a resposta impossível de uma pergunta também impossível", afirma Abrams à revista.

O diretor lembrou que tinha uma sobra das filmagens de "O Despertar da Força" e fez um quebra-cabeça para conseguir as mesmas falas de Carrie e fazê-las ter sentido na nova história. Tudo isso porque ele achou que não fazia mais sentido ter uma versão digital da atriz, como ocorreu em "Rogue One" (2016).

Quando o primeiro trailer foi divulgado, cenas revelaram novidades como a participação do ator Billy Dee Williams, que interpretou o personagem Lando Calrissian na trilogia clássica de "Star Wars", que torna no papel para o nono episódio da saga.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos