De Malhação à Secretaria de Cultura: Ator Mário Frias é convidado por Bolsonaro para assumir o cargo

Mário Frias já havia se colocado à disposição do presidente (Foto: Divulgação)

O ator Mário Frias foi convidado pelo presidente Jair Bolsonaro para assumir a Secretaria Especial da Cultura, depois que Regina Duarte pediu na manhã desta quarta-feira (20) para deixar o cargo. 

E nos siga no Google News:

Yahoo Notícias | Yahoo Finanças | Yahoo Esportes | Yahoo Vida e Estilo

Frias almoçou ontem com o presidente. Mais cedo, Bolsonaro compartilhou em seu perfil numa rede social o vídeo de uma entrevista do ator Mário Frias, no qual ele se colocava à disposição de Bolsonaro “para o que ele precisar”.

Leia também

“Pro Jair, cara, o que ele precisar eu tô aqui. Eu torço demais pra Regina, eu sou fã dela, mas pelo Brasil eu tô aqui, o que for preciso. Respeito o Jair demais, vejo o Brasil com chance de finalmente ser respeitado”, disse o ator à CNN no começo de maio, sobre a possibilidade de assumir a Secretaria Especial da Cultura.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Mário Frias fez sucesso como galã da novela juvenil Malhação, da TV Globo, no final da década de 1990.

Em café da manhã com o presidente, no Palácio da Alvorada, na manhã de hoje, Regina Duarte alegou que pretende ficar mais próxima da família, em São Paulo. 

A atriz enfrentava resistência da ala ideológica do governo, ligada ao escritor Olavo de Carvalho e coordenada pelo vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos-RJ). Além disso, não conseguiu apresentar ações práticas para a área e sofria críticas também do setor cultural.