Marina Sena reclama que instrumentos não chegaram a Paris

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Em turnê pela Europa, a cantora Marina Sena usou as redes sociais nesta nesta terça-feira (19) para reclamar que toda a bagagem despachada no Brasil -incluindo instrumentos e roupas- não chegou em Paris. Antes dela, os cantores Gilberto Gil e Anitta também tiveram as malas extraviadas por outras companhias aéreas durante turnê na Europa, entre junho e julho.

Irritada, a artista disse que o primeiro show da turnê em Paris acontece nesta nesta terça-feira (19) e nada do que ela e a banda despacharam no Brasil chegou. "Nada chegou aqui. Nossos instrumentos não chegaram aqui", falou Marina nos stories do Instagram.

A cantora disse à TAP que ela precisa das malas e instrumentos hoje e que a companhia aérea está lesando o seu trabalho. "Agora eu quero perguntar para TAP, como vocês esperam que a gente vá fazer show em Paris sem instrumentos? Falaram que pode chegar em três dias, meu amor, daqui a três dias eu já estou em outro lugar", afirmou.

Marina falou que a TAP a fez se sentir como se não tivesse controle das suas coisas e mandasse nela. Segundo a cantora, a empresa não sabe onde estão as bagagens e instrumentos. "Como vou fazer show sem minhas coisas?"

"Quero saber viu, Tap, o que vai acontecer com meus instrumentos, com os instrumentos da minha banda da minha equipe, com as nossas coisas. Quero muito saber, quero informação, porque vocês não sabem nem onde estão as coisas", disse a cantora que tem shows na quarta (20) na Holanda, na sexta (22) na Alemanha e domingo (24) em Portugal.

Procurada, a TAP não respondeu até a publicação da matéria.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos