Mariana Xavier comenta julgamentos a seu corpo: "Envergo, mas não quebro"

Giselle de Almeida
·2 minuto de leitura
Mariana Xavier fala sobre críticas a seu corpo. Foto: reprodução/Instagram/canalmarianaxavier
Mariana Xavier fala sobre críticas a seu corpo. Foto: reprodução/Instagram/canalmarianaxavier

Mariana Xavier posou de biquíni nas redes sociais para abrir uma discussão sobre as críticas que recebeu recentemente em relação a seu corpo. A atriz contou que um vídeo espontâneo, em que aparece dançando com o namorado, Diego Braga, foi o estopim para os comentários negativos.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

“As pessoas andam tão acostumadas a ver gente fake, posada, filtrada e editada que, quando olham um corpo real, principalmente em movimento, existindo e se exibindo sem preocupação de buscar o look ou o ângulo mais favoráveis, se assustam”, escreveu ela na publicação compartilhada no Instagram do Canal Mariana Xavier, no último sábado.

Leia também:

Segundo a atriz, alguns seguidores perguntaram se ela estava grávida. Outros já deduziram que a resposta seria positiva. “Afinal, para exibir uma barriga grande daquela, de top, sem pudor, só mesmo gestante, né? Porque aí pode. Aí tem explicação. É aceito. É bonito”, continuou.

Mariana, que está no ar na reprise de “A Força do Querer”, declarou que não estava preocupada com estética quando resolveu compartilhar um momento alegre com seus seguidores.

“Quando eu decidi postar o vídeo, eu nem liguei para o meu corpo, porque só o que eu via era uma energia deliciosa de um casal se amando e se divertindo enquanto cuidava da saúde. Mas, depois dos comentários sobre a minha ‘gravidez imaginária’, o tamanho da minha barriga passou a saltar aos meus olhos. Eu cheguei a me perguntar se deveria ter postado o vídeo”, disse.

Por fim, a atriz explicou que comentários do tipo têm consequências negativas. “Por isso quem é dos movimentos #bodypositive e #bodyneutrality bate tanto na tecla: não comente o corpo do outro. Por melhor que seja a nossa autoestima, a gente não passa ilesa. Eu já estou com minha noção de valor bem consolidada, então, envergo, mas não quebro. Passou. Continuarei exibindo meu corpitcho livre por aí apesar dos julgamentos. Mas, para quem está com a autoimagem mais fragilizada, determinados comentários podem fazer um estrago e tanto”, reforçou.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube