Mariana Goldfarb lembra maus tratos no início da carreira: 'Eram cruéis'

Redação Vida e Estilo
Mariana Goldfarb. Foto: reprodução/Instagram/marianagoldfarb
Mariana Goldfarb. Foto: reprodução/Instagram/marianagoldfarb

O jogo virou para Mariana Goldfarb, mas seu início na carreira de modelo não foi nenhum conto de fadas. A carioca de 28 anos desabafou sobre o modo como era tratada quando era uma novata na profissão, há dez anos, e disse que a situação só mudou recentemente, quando seu relacionamento com o ator Cauã Reymond, hoje seu marido, se tornou público.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“Era um pedaço de carne, um nada, que estava ali para servir as pessoas. Ninguém falava comigo durante uma sessão de fotos. Não queriam saber se eu estava bem, se tinha comido algo. Eram até cruéis. Diziam na minha cara que não eu não estava magra o suficiente”, lembra ela, em entrevista ao caderno “Ela”, do jornal “O Globo”.

Leia também:

“Agora, sou sucesso. É um tal de querida para lá, linda para cá... E são as mesmas pessoas que antes me tratavam mal. Se nada tivesse mudado, ainda seria daquele jeito. Só ligam para a nossa popularidade.”

As redes sociais também não perdoaram Mariana, que hoje diz saber lidar melhor com as plataformas. “Sofria tanto ataque, era tanta porrada. Deixavam comentários nas minhas fotos que machucavam. Uma das questões eram minhas sobrancelhas. Aliás, reclamam até hoje, acredita? Perguntam por que eu não as faço. E isso é tão ridículo”, disse.

A relação com Cauã, que teve idas e vindas antes do discreto casamento, celebrado em abril, também era motivo para olhares tortos. “Toda vez que terminávamos, as pessoas mudavam comigo. Conseguia ver no olhar delas: ‘Sabia que não ia durar, que isso não ia para frente’. E cá estamos nós”, contou a modelo.