Marcius Melhem nega que saída da Globo tenha ligação com acusação de assédio

Marcius Melhem. Foto: reprodução/TV Globo

Após o anúncio de que havia deixado o cargo de chefia do departamento de humor da Globo, o ator e roteirista Marcius Melhem se pronunciou sobre a decisão. Ele afirma que pediu afastamento da emissora por questões de saúde de uma de suas filhas e nega qualquer relação de sua saída com as acusações de assédio moral que sofreu nos últimos meses.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

“É com total indignação que Marcius Melhem recebe os questionamentos sobre as razões que o teriam levado a pedir uma licença de quatro meses à TV Globo. A decisão de se afastar de suas atividades na emissora foram do próprio Melhem e não tem relação alguma com as maldades veiculadas”, afirmou, em comunicado enviado ao colunista Leo Dias, no portal Uol.

Leia também:

“Melhem sempre manteve uma postura reservada da sua vida pessoal, sobretudo o que diz respeito às suas filhas, as quais nunca expôs em nenhuma ocasião. Porém, diante do que vem sendo noticiado, esclarece que o motivo do seu afastamento se deve a um problema de saúde que uma de suas filhas está atravessando, necessitando de uma cirurgia, que será realizada nos Estados Unidos, onde a família deverá permanecer, parte desse período, até a pronta recuperação da menina”, diz a nota oficial.

Com a mudança, o comando dos programas humorísticos da emissora fica sob a tutela de Silvio de Abreu, que já coordena a produção da dramaturgia diária e semanal.

Em dezembro, Dias publicou a notícia de que a atriz Dani Calabresa, então no elenco do “Zorra”, havia denunciado o chefe por assédio moral. Melhem preferiu não se manifestar na ocasião, mas recebeu publicamente o apoio de colegas de trabalho nas redes sociais.