Marcão, do Charlie Brown Jr., se defende de filho do Chorão: "Mentalidade escrota"

·2 min de leitura
Chorão e Marcão em foto nas redes sociais
Chorão e Marcão em foto nas redes sociais. Foto: Reprodução/Instagram

Resumo da notícia:

  • Marcão se defende de filho de Chorão após declarações polêmicas sobre dívidas

  • Guitarrista nega que o cantor falecido tenha comprado todos os direitos da banda

  • Músico diz que Alexandre tem "mentalidade escrota e egoísta" e é "arrogante"

O ex-guitarrista do Charlie Brown Jr., Marcão, resolveu se pronunciar publicamente sobre a polêmica envolvendo as declarações de Alexandre Abrão, filho de Chorão. De acordo com o herdeiro do falecido cantor, ele deixou uma dívida impagável com gravadora após comprar os direitos dos outros integrantes da banda.

Alexandre ainda tinha um projeto com Marcão e ex-CBJr Thiago para levar a banda de volta aos palcos e continuar com o legado do pai, mas os ex-integrantes do grupo teriam rompido o acordo com ele. Ainda de acordo com o jovem, os dois teriam dado entrada no Instituto Nacional de Propriedade Industrial (INPI) com as marcas CBJR e C.Brown Jr.

Em vídeo publicado nas redes sociais e em seu canal no Youtube, Marcão nega estar envolvido nos motivos para Chorão gerar a grande dívida. "O acerto que a gente fez quando a gente saiu da banda foi em cima de uma dívida que o Chorão tinha de shows com a gente. Tinham diversos shows que a gente não tinha recebido. [...]", relatou o artista. 

"A gente falou: ó, cara, você acerta com a gente os shows que a gente não recebeu', e aí ele falou: 'a condição para isso é que vocês autorizem eu seguir tocando com a banda'. Eu falei: 'tudo bem, tá certo'", completou ao negar que Chorão tenha comprado seus direitos da banda.

"Sou autor das músicas, tenho o direito da minha imagem até hoje, de qualquer produto que for lançado, ou qualquer coisa que vai ser trabalhada. Para isso é necessária a minha autorização; [...] Não comprou o direito de ninguém na verdade", declarou.

Marcão também afirmou que ele e Thiago não estão processando o filho de Chorão, mas pediram a anulação do contrato firmado entre eles para uma turnê em 2022 após o não cumprimento do contrato por parte de Alexandre.

"O Alexandre vem tomando diversas atitudes assim baseado numa mentalidade escrota, egoísta, está sendo muito mal assessorado. Ele acabou de perder uma oportunidade brilhante de fazer uma turnê junto com a gente, de poder participar, por todas essas questões de quem não tem 'fair play', de quem não tem coletividade, de quem é arrogante, de quem tem soberba", concluiu. Confira o vídeo completo:

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos