Manu Gavassi desabafa sobre ter sido ignorada do Grammy Latino: "Frustração"

Manu Gavassi no podcast
Manu Gavassi no podcast "Um Milkshake Chamado Wanda". Foto: Reprodução/Youtube

Resumo da notícia:

  • Manu Gavassi desabafou sobre ter sido ignorada pelo Grammy Latino

  • Cantora abriu o coração após não ter sido nomeada para a premiação

  • Artista confessou que tinha expectativa em uma categoria específica

Após desabafar nas redes sociais, Manu Gavassi falou pela primeira vez em uma entrevista sobre a ausência entre os indicados ao Grammy Latino 2022. Em participação no podcast “Um Milkshake Chamado Wanda“, a cantora abriu o jogo sobre a quebra de expectativa por "Gracinha" ter sido ignorado na categoria de audiovisual. Ela aproveitou o gancho do assunto sobre "pequenas frustrações" da carreira ao dizer que merecia mais reconhecimento por se esforçar muito.

“Estamos falando de Grammy Latino?”, questionou o apresentador Phelipe Cruz. “Sim, estamos falando de Grammy Latino. As máscaras vão cair agora!”, brincou ela ao relatar que muitas pessoas não entenderam sua frustração por não ter sido nomeada. Manu publicou um texto falando sobre a importância da produção de "Gracinha", projeto escrito por ela que estaria a frente de seu tempo.

“Acho que todo mundo que está lá deveria, sim, ter sido indicada […] Só que a minha frustração é que foi numa categoria muito específica, uma categoria para projetos audiovisuais na música”, explicou Gavassi. “E não fui eu que botei isso na minha cabeça sozinha. […] Existia uma expectativa de todo mundo que trabalhou nesse projeto, de todo mundo que colocou essa sementinha na minha cabeça, pessoas muito grandes por trás, que têm experiência com indicações ao Grammy”, acrescentou.

Manu justificou sua decepção pelo fato da categoria Melhor Vídeo em Formato Longo ser relativamente nova e álbuns audiovisuais não serem tão explorados e produzidos. Inclusive, Rosalía está entre os indicados deste ano com "Motomami (Rosalía TikTok Live Performance)".

“Esse projeto que a gente fez com uma grandiosidade, com um suor, com profissionais brasileiros, uma coisa tão grande, tão difícil de ser feita, merecia, nessa categoria específica, ter tido uma luzinha ali. Foi só isso”, concluiu. Relembre o desabafo no último dia 20 de setembro: