Manipulador, Gui Araujo se inspira em Pyong Lee para sobreviver em 'A Fazenda 13'

·3 min de leitura
Gui Araujo (Foto: Reprodução/ Instagram @ guiaraujo13)
Gui Araujo (Foto: Reprodução/ Instagram @ guiaraujo13)

Experiente em reality shows, Gui Araujo foi contratado para participar de A Fazenda 13 graças à projeção nacional que ganhou por ter vivido um namoro relâmpago com Anitta. O público conhecia pouco a respeito do rapaz, que ganhou apelido de boy lixo em sua segunda participação no De Férias com o Ex, da MTV. Mas na competição da Record ele pode ser visto sem filtros do Instagram e sem nenhuma famosona à tira-colo, e se revelou um grande estrategista e manipulador, um comportamento muito parecido com o de Pyong Lee no BBB20 e recentemente na primeira temporada do Ilha Record.

O ex-namorado de Anitta chegou em A Fazenda 13 disposto a conquistar geral, mostrando-se solícito, prestativo, apaziguador e até mesmo defensor de causas nobres, como o feminismo, e um aliado na luta contra a homofobia. Simpático e com fácil acesso a todos seus adversários na casa, naturalmente foi alçado ao posto de líder, reforçado pelo chapéu de fazendeiro que ele conquistou no terceiro dia de jogo da temporada.

Leia também:

Mas há aquela máxima de Maquiavel que diz: “Dê poder ao homem, e descobrirá quem ele realmente é”. Com a plateia montada a seu redor, Araujo passou a atuar como um oráculo e também como uma espécie de ombudsman do confinamento. Com frases de efeito e um perfil analítico, ele convenceu sua plateia de que sua visão de jogo era perfeita e logo formou o temido “grupão”, que une forças todas as roças para metralhar seus adversários.

Parte sempre dele o plano de mirar em um nome a cada semana e arrastar seus “seguidores” a irem pelo mesmo caminho. Ele convenceu seu grupo de que o grande problema da casa é Rico Melquiades, e decidiu punir todas as pessoas que se aliassem a seu rival. Erika Schneider foi a primeira a sofrer motim até acabar eliminada da disputa pelo prêmio de R$ 1,5 milhão.

Na semana que Aline Mineiro foi para a berlinda, a justificativa que ele plantou e se tornou um mantra entre seus aliados era que a amizade da ex-panicat com Rico era o motivo para ser votada. “Você está fazendo um jogo errado”, disse Gui, sobrepondo sua maneira de jogar e agir, além de julgar as estratégias da moça.

No BBB20 e no Ilha Record, Pyong Lee fez exatamente isso. A firmeza na sustentação de suas análises sobre o jogo o alçou ao posto de uma espécie de líder de uma seita religiosa, que não questionava nada do que ele falava, apenas acatava. As pessoas ficaram tão hipnotizadas, que quando o marido de Sammy Lee foi eliminado, todos começaram a se iludir com a possibilidade de ter sido um paredão falso. Mas ele nunca mais voltou.

Em A Fazenda, Araujo tem seus súditos. Dynho Alves, Marina Ferrari, Lary Bottino e os eliminados Mussunzinho e Victor Pecoraro foram em todos os embalos do líder. Tati Quebra Barraco, MC Gui, Erasmo Viana e Tiago Piquilo também se inspiram no ex de Anitta para sobreviverem no jogo.

Valentina Francavilla esteve neste pacote, mas acordou para o jogo e percebeu a vilania do ex-aliado. Ela se rebelou contra o grupo quando foi ameaçada por Gui de ser alvejada na formação da roça caso ela decidisse se aproximar de Aline, Day e Rico. Perdeu uma devota e ganhou uma inimiga.

O problema de Gui Araujo, assim como de Pyong, é não ter se atentado que a maior aliança que um participante de reality show deve ter é com o público, não com seus adversários. Seu poder de influência é tão grande que ele consegue deixar as pessoas a seu redor mais apáticas, como ocorreu com Lary Bottino, que entrou como substituta de Fernanda Medrado e foi eliminada na noite desta quinta-feira (21) por não ter conseguido criar uma identidade e viver às sombras de seu líder.

Ele pode até sobreviver a algumas roças e durar mais tempo no jogo. Mas o público dificilmente elege como campeão pessoas com personalidades soberbas e arrogantes como Gui Araujo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos