'Queria que ela fosse homem', diz Maitê Proença sobre a namorada Adriana Calcanhotto; web critica

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
PARATY, BRAZIL - JULY 01:  Singer Adriana Calcanhoto performs during the opening night of the 2009 Paraty International Literary Festival on July 01, 2009 in Paraty, Brazil.  (Photo by Luciana Whitaker/LatinContent via Getty Images)
PARATY, BRAZIL - JULY 01: Singer Adriana Calcanhoto performs during the opening night of the 2009 Paraty International Literary Festival on July 01, 2009 in Paraty, Brazil. (Photo by Luciana Whitaker/LatinContent via Getty Images)

Maitê Proença admitiu que preferiria que sua namorada, Adriana Calcanhotto, fosse um homem.

A atriz, de 64 anos - que confirmou seu romance com a cantora, 56, no final do ano passado -, explicou que sempre preferiu se relacionar com homens, mas acabou se apaixonando pela estrela da música.

"Eu queria que ela fosse homem. Para essa atividade, sempre gostei mais de homem. Mas ela é mulher, gosto dela e aceito isso", começou ela.

Maitê disse estar ciente de que sua declaração pode causar polêmica, e explicou que seu primeiro relacionamento com uma mulher é uma oportunidade para vivenciar algo diferente.

"Sei que as feministas e os LGBTs não vão gostar do que acabei de dizer, mas, honestamente, é assim, entendeu? Posso experimentar algo diferente para estar com ela", disse a artista em um trecho de uma entrevista concedida à revista JP, publicado pelo portal F5.

Recentemente, a atriz relatou ter sido alvo de comentários preconceituosos depois que o relacionamento veio à tona.

"Acho que neste momento as pessoas estão mais comedidas com relação ao preconceito, elas têm medo das consequências. Ainda assim, recebi mensagens nas redes do tipo: 'Você me decepcionou', ou 'Isso é pecado'. Ora, com homem não é pecado, mulher é?", comentou a veterana das telinhas em entrevista à 'Veja'.

Repercussão

Na web, fãs de Adriana criticaram declaração de Proença.

"E a Maitê Proença dizendo que queria que a Adriana Calcanhoto fosse homem?", indagou uma internauta. Outra pessoa falou: "como se não bastasse lésbicas o tempo todo terem a sexualidade desvalidada por não ter um homem no meio e lésbica desfem tá sempre sendo comparada com homem, vem a maitê proença da uma declaração dessas sobre a própria namorada EU ODEIO O BRASIL".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos