Mahlon Reyes, apresentador do Pesca Mortal, morreu por overdose de cocaína

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Mahlon Reyes, apresentador do programa Pesca Mortal (Discovery), morreu em decorrência de uma overdose, segundo informações do site americano TMZ. Ele morreu em julho de 2020, aos 38 anos, mas a causa de sua morte foi divulgada apenas agora, com base na autópsia. De acordo com a publicação, o xerife e legista Brian Heino, do condado de Flathead, em Montana, nos Estados Unidos, apontou que a morte foi causada por uma intoxicação aguda por cocaína, também considerada acidental. Na época de sua morte, Reyes sofreu uma parada cardíaca em casa. Após trabalhar durante oito anos no programa, o apresentador ficou conhecido no programa, trabalhando em dois barcos: Seabrooke e Cape Caution. Sua família disse em entrevista ao TMZ que sua morte foi chocante, uma vez que Reyes não aparentava ter nenhum problema de saúde. Seu corpo foi cremado e suas cinzas foram lançadas ao mar pelos integrantes de Pesca Mortal. Mahlon Reyes é o sexto integrante do reality a morrer. No ano de 2010, Phil Harris sofreu um infarto. Um ano depois, Justin Tenninson faleceu enquanto dormia. Quatro anos depois, Joe McMahon foi morto a tiros e, no mesmo ano, o capitão Tony Lara sofreu um ataque cardíaco. No mês passado, Nick McGlashan, 33, também morreu, porém a causa de sua morte ainda não foi divulgada.