Déa Lúcia, mãe de Paulo Gustavo, recusa participar do encerramento da CPI: “Só se eu fosse muito louca”

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 minuto de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

A CPI da Covid que já dura cinco meses e investiga a suspeita de corrupção durante a pandemia, está próxima do fim, e para o encerramento, os relatores fizeram um convite especial a Déa Lúcia, mãe de Paulo Gustavo, que faleceu no último dia 4 de maio, vítima da covid-19.

Entretanto, enfática, Déa se recusou a participar e disse: “Não vou participar de jeito nenhum. Essa CPI virou uma CPI política, comandada por Renan Calheiros e Omar Aziz. Você acha que é séria e que vai dar em alguma coisa? Já estão em ano eleitoral. Não vou me prestar a isso. Vou fazer meus discursos no momento certo, nas minhas redes, e como fiz no ‘Criança Esperança’ e no programa da Ana Maria (Braga)”.

Leia também:

“Me meter com política eu não vou. Fui convidada esta semana agora. Eu agradeci o convite e disse que não iria. Já tivemos mil coisas para fazer o impeachment desse cara. O Centrão tem coragem? Vou me meter nesse ninho de gato? Nunca me meti, não vou me meter agora. Vou me meter no momento certo, de acordo com o candidato que tiver”.

“Se surgir uma terceira via. Me parece que está pintando, mas não tem nada confirmado. Se aparecer, vou para as redes sociais. Mas bater palma para Renan Calheiros? Só se eu fosse muito louca. Só se fosse para o Paulo Gustavo ressuscitar e dizer: "Mãe, vou dar na sua cara".

Déa também recebeu o convite para ser candidata a senadora, mas ela afirmou que não está interessada, e não disse qual partido teria feito o convite. Ela lamentou que estejam usando o nome do filho para fazer política. “Como usam o nome dele. É impressionante. Se precisarem de mim para uma campanha séria, para crianças e para idosos, eu vou. Pode me telefonar. Para política, não. Achei que seria uma CPI séria, mas não foi. Não vai dar em nada, vai acabar em pizza”.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos