Luisa Sonza desabafa sobre morte de Paulo Gustavo: "Descaso de um governo genocida"

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·2 min de leitura
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
Luisa Sonza lamentou a morte de Paulo Gustavo (Foto: Reprodução/Instagram)
Luisa Sonza lamentou a morte de Paulo Gustavo (Foto: Reprodução/Instagram)

Luisa Sonza publicou um desabafo em suas redes sociais após a entrevista da mãe de Paulo Gustavo no 'Fantástico' deste domingo (9). A cantora lamentou o fato de termos perdido o humorista para a Covid-19, uma doença que já tem vacina e não chegou antes no Brasil por falta de interesse do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

No Twitter, Luisa escreveu que é difícil seguir a vida como se nada tivesse acontecido. "Tá tudo uma merda. Ver o Brasil nesse estado é desesperador. Todo dia é um esforço IMENSO pra ter vontade de abrir um sorriso e seguir trabalhando, fazendo as coisas. Como seguir vivendo vendo tanta gente morrendo nesse país por causa do descaso de um governo genocida?", iniciou.

Leia também:

Em outro post, a cantora afirmou que sente raiva e tristeza: "Não consigo parar de pensar no Paulo, e em todas as vidas que perdemos por um vírus que tem vacina. Todas essas mortes poderiam ter sido evitadas se tivéssemos um governo minimamente decente".

Luisa pediu a Deus que olhe pelo Brasil e aconselhou os fãs a não alimentarem o sentimento de ódio dentro deles. "Acredito muito que o ódio NUNCA resolve nada. Que odiar alguém nunca é a solução, independente de qualquer coisa. Porém, nesse momento eu PRECISO desabafar sobre uma coisa que é: Bolsonaro, eu te odeio", publicou a artista.

Livro aberto

Luisa Sonza tem feito longos desabafos no Twitter. Na quinta-feira (6), ela revelou sua bissexualidade após lançar um clipe aos beijos com Carol Biazin. A rede social se tornou um canal direto da artista com os fãs.

Ela falou que se sentiu aliviada com o acolhimento e justificou a demora para falar sobre sua sexualidade. "Já tive tanto medo (ok, tenho um pouco ainda) de ser quem eu sou por três principais motivos: o lugar de onde eu vim, minha família e como as pessoas iriam receber", diz ela.

Mesmo com o sucesso do clipe, Luisa afirma que ainda não se sente à vontade para falar sobre o tema com detalhes. "Quero falar mais a fundo sobre esse assunto da minha vida quando eu me sentir mais confortável e preparada pra isso tudo. Mas MUITO obrigada pelo carinho e apoio", publicou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos