Ludmilla lembra como foi assumir sexualidade para mãe: "Fiquei mais leve"

·2 minuto de leitura
Ludmilla. Foto: reprodução/Instagram/ludmilla
Ludmilla. Foto: reprodução/Instagram/ludmilla

Hoje bem casada e resolvida com a própria sexualidade, Ludmilla tinha vergonha de se abrir com sua mãe, Silvana, sobre o assunto. A cantora admitiu a dificuldade em um relato nas redes sociais, e muitos seguidores se identificaram com a situação.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 minuto e receba todos os seus e-mails em um só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook e Twitter

“O que mais me incomodava e me dava vergonha era assumir minha sexualidade para minha mãe, mas consegui me abrir e contar sobre quem eu amava e ela reagiu super bem, foi minha amiga, me apoiou e depois disso fiquei mais leve”, contou a artista no Twitter, na noite da última sexta-feira (21).

Leia também:

Uma fã de Lud também passou por algo semelhante, mas teve seu final feliz. “Sei bem como é. Minha mãe ficou sem me aceitar por quase dois anos. É ruim demais, doloroso, mas mesmo assim respeitei o espaço dela. Mesmo ela não respeitando minha decisões e orientação sexual, respeitei porque era o momento dela. Ela hoje compra até roupas masculinas pra mim”, disse a admiradora.

Ludmilla assumiu publicamente sua bissexualidade em 2019, quando anunciou seu namoro com a Brunna Gonçalves. Seis meses depois, as duas oficializaram a união.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos