Ludmilla apaga redes sociais após ataques racistas: "É crime"

·2 minuto de leitura
A cantora Ludmilla. Foto: reprodução/Instagram/ludmilla
A cantora Ludmilla. Foto: reprodução/Instagram/ludmilla

Ludmilla apagou suas redes sociais após sofrer novos ataques racistas. Pouco antes, a cantora havia desabafado com seus seguidores sobre a frequência com que recebe ofensas do tipo e prometido levar as denúncias para as autoridades.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Ao compartilhar a reclamação de uma fã, que pedia respeito à artista, a funkeira escreveu: “É daí para pior. Vocês não têm noção do que eu passo com essas pessoas. É 24 horas por dia de comentários racistas em todas as minhas postagens. Mas eu estou tirando print de tudo porque isso é crime e vai pagar um por um”.

Leia também:

A assessoria da cantora confirmou a motivação da decisão em um post no Instagram.

“Durante o dia, a cantora já havia reclamado com sua equipe sobre os ataques racistas que vinha sofrendo chegando até a responder alguns tweets que diziam que ela responderia caso ‘jogassem casca de banana’, entre outros insultos racistas e misóginos. Tais ataques vêm ocorrendo ao longo da carreira de Ludmilla, que, como é sabido, vem se posicionando não só contra crimes de raça, mas também de gênero”, diz a nota.

A dançarina Brunna Gonçalves saiu em defesa da esposa e lembrou que racismo é crime. “Vocês não têm noção de como eu fico vendo ela triste! Isso tem que acabar! Racismo é crime, c******! Parem com isso”, escreveu.

A frase usada por Brunna, “Estamos com você, Ludmilla”, repercutiu entre os fãs e também foi usada por outros artistas, como MC Rebecca, em ato de solidariedade. MC Kátia também manifestou publicamente seu apoio à amiga.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos