Luana Piovani dá nota para Scooby, fala de namorado e exposição nas redes

Luana Piovani completou 43 anos há alguns dias (reprodução/instagram @luapio)

Luana Piovani abriu o coração em uma entrevista a ‘Quem Acontece’ e falou sobre tudo que vem movimentando sua vida nos últimos seis meses: Pedro Scooby, Anitta, separação e Ofek Malka, seu novo namorado.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

Ao ser questionada se doeu se separar do sufista Pedro Scooby, com quem esteve junta por oito anos, ela foi direta. “A separação amplia tudo. O que é muito triste é lidar com a frustração de toda aquela expectativa. Ninguém casa pra separar. A gente falava de morrer velhos e juntos. E é uma frustração enorme, não só do sonho não realizado, mas sentir que daquela relação, que era de muito amor, de amor ficou pouco. Não se tem empatia. Acho que é isso que dói. Eu, por exemplo, dou chance a poucas pessoas no planeta de me deixarem tristes. E o Pedro era uma delas. Não que eu não aguentasse esse tranco, já aguentei trancos muito maiores. Mas é de uma pessoa que você não espera, de uma pessoa que era pra te cuidar.”

Leia também

Separação

Separada há cerca de cinco meses do rapaz, Luana conta que a relação dois não é a melhor. “Eu diria que de 5 a 10 a gente tá 5. A gente já se entendeu mais.” “Quando você casa, casa com os amigos, a família. É um combo. É uma experiência toda nova. Do mesmo jeito que eu nunca tinha casado, eu nunca tinha separado. É tudo muito novo. Mas eu confesso que eu imaginei uma coisa muito diferente do que eu estou vivendo”, completa.

Novo amor

Namorando o jogador de basquete Ofek Malka há algumas semanas, Piovani se derrete. “Você se sente bem, a pessoa se sente bem e quando se separa dá vontade de se ver em uma hora. Fui vendo a iniciativa, atitude e coragem que ele tem aos 23 anos. Deu três semanas e ele não queria parar de falar comigo e disse que estava vindo me ver. E veio! Foi maravilhoso, porque a gente conviveu mais. É só isso. Eu só vou namorar. Não tem parte ruim, não tem casamento.”

Ofek Malka, o novo namorado de Luana Piovani (reprodução/instagram @ofek_malka7)

Exposição

Expondo o que lhe interessa respondendo as pessoas no Instagram, ou nas lives que faz em seu canal no Youtube, Luana conta que não acredita passar do ponto. “O limite é de cada pessoa. Tem gente que acha que exponho minha privacidade. Mas acho que a minha privacidade ninguém sonha qual é. Minha cartilha é diferente da sua. O que penso é que nenhuma dor tem que ser vivida sozinha. Quando a gente divide, ameniza e é importante as pessoas saberem que isso acontece. E aí, isso vira uma voz. Ué, me expus a minha vida inteira, agora que chegou minha vez vou fazer a boazinha? A minha consciência é falar o que eu acho que precisa ser dito.”

Pintinhos

Mãe de Dom, de 7, e Liz e Bem, de 3, a apresentadora conta que não é uma mãe liberal. “Dou liberdade, mas dou limite. O Dom, por exemplo, é muito maduro, porque a gente sempre teve a comunicação muito forte em casa. Sempre falei claramente tudo o que está acontecendo, o que eu penso, gosto de ouvir o que ele pensa. Então, cria embates maiores comigo, como se tivesse quase falando de igual pra igual. Mas eu também estou aprendendo. Ele é meu primeiro filho e eu digo pra ele: ‘Você que me ensina a ser mãe’.”

Maturidade

Com 43 anos recentemente completados, Luana se vê como um bom vinho. “Estou cada vez melhor. O céu é o limite mesmo. De alguma maneira, com a criação que tive, as oportunidades que me apareceram e com alguma coisa que é minha, genuinamente, consegui entender que eu tinha que me fortalecer pra usufruir dessa vida que eu ganhei. E eu fui atrás dos meus sonhos muito nova, nunca tive medo de dizer não, porque sempre confiei demais no meu taco. E aí fui pra terapia. Fiz 10 anos de terapia, 12 de psicanálise. Fui fazer faculdade de mim mesma, descobri minhas ferramentas e aprendi a trabalhar com elas.”