Livro '13 Reasons Why' é proibido em escolas americanas depois de suicídio de alunos

(Foto: Divulgação Editora Razorbill)

Há pouco mais de um mês e meio disponível na Netflix, ’13 Reasons Why’ continua sendo debatido ao redor do mundo. O motivo principal é que alguns especialistas acham que o seriado romantiza o suicídio e leva jovens a cometerem atos contra a própria vida.

O caso é que a série é baseada em um livro, escrito por Jay Asher, e que agora está sendo proibido em muitas escolas americanas. O distrito escolar Mesa County Valley, no estado do Colorado, nos EUA, proibiu que as bibliotecas circulem e disponibilizem o livro aos 22 mil estudantes que frequentam as mais de 50 escolas da região. Segundo a coordenação das escolas, a decisão é temporária, mas foi tomada depois de sete alunos cometerem suicídio recentemente.

O livro foi lançado em 2007 e ficou muito mais famoso agora, depois do lançamento do seriado de mesmo nome.