"Trabalhar com fofoca é pesado. Tem energia ruim", assume Lívia Andrade

Lívia Andrade curte penúltima noite do Rock in Rio. Foto: Rogério Fidalgo/Agnews

Por Ana Cora Lima

Fã de funk, Lívia Andrade fez questão de marcar presença no penúltimo dia do Rock in Rio. Impactada com o show de Anitta, a apresentadora falou com a imprensa no camarote Doritos e entregou que se sente “carregada” ao trabalhar com fofocas no programa “Fofocalizando”, do SBT.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Segue a gente!

"É energia muito pesada, nunca achei que fosse na vida fazer fofoca. Sempre fui muito discreta e, não sou muito de sair, sou caseira, mas hoje vejo o outro lado e é sinistro e limbo"

Leia também

Em janeiro, Lívia completa um ano no programa a convite de Silvio Santos, mas só em agosto foi promovida a apresentadora. "Nunca tive pretensão de nada na minha vida. Nunca quis ser artista, aconteceu. O que achei legal de ser artista, não que seja fácil, é que ganhava em um dia o que amigos ganhavam em um mês. Foi isso que me atraiu. Única coisa que fiz foi me preparar para um dia em que a oportunidade viesse. Veio, mas foram anos de batalha. O que eu vivo hoje é um sonho e estou preparada para acordar. Hoje estou aproveitando o momento de estar apresentadora”.

Lívia não fugiu das perguntas sobre as tretas com Leo Dias e Mara Maravilha. “Fui resistindo, sou dura na queda. Quando tudo foi conspirando contra, fui resistindo. É aí que tiro força daquele lugar, do útero. Sou mulher forte para caramba e falei 'vou aguentar'. Por aguentar, hoje sou a apresentadora do ‘Fofocalizando’”.

Ela revelou ainda que não consegue entender famosos que reclamam da imprensa em eventos de grande porte."Se você é pessoa pública, tem que arcar com as consequências. Vem para um evento desse, por exemplo: todo mundo bebendo à vontade, solteiro, vai se jogar mesmo? Depois vai reclamar que amanhã está no ‘Fofocalizando’ ou que vocês soltaram uma nota? Não faça. Não quer que saia na imprensa, vai para o motel, para sua casa, praia deserta. Quer privacidade, pague por isso”, detona.