Lin-Manuel Miranda estreia como diretor em "tick, tick ... Boom!"

·2 min de leitura
"tick tick... Boom!" é o primeiro filme de Lin-Manuel Miranda como diretor (AFP/Michael Tran)

Lin-Manuel Miranda, o criador do sucesso da Broadway "Hamilton", disse na quarta-feira (10) que voltou ao seu "primeiro amor", o cinema, com sua estreia na direção de "tick tick ... Boom!".

Em entrevista à AFP, ele também revelou que quer escrever outro musical.

O filme, que estreou no AFI Fest em Los Angeles, é uma homenagem a Jonathan Larson, o escritor de "Rent" e que foi o prodígio da Broadway na geração anterior a Miranda.

"Cinema foi meu primeiro amor. Me apaixonei por filmes. Meu avô tinha uma locadora VHS, quando eu era criança: Miranda Video", contou à AFP.

"tick tick ... boom!" é uma adaptação do musical de Larson de mesmo nome, que reflete sua luta para criar arte e seu medo de envelhecer sem alcançar o sucesso.

Larson morreu com apenas 35 anos, sem ver e desfrutar da grande popularidade e da variedade de prêmios Tony - além do Pulitzer - que "Rent" ganharia.

"É o único filme que eu sempre sonhei em fazer como um filme, mesmo antes de ter a chance de dirigir", disse Miranda, que viu o musical de Larson quando era estudante universitário.

"Foi no mês seguinte aos ataques terroristas de 11 de Setembro, quando todos se perguntavam 'o que estou fazendo da minha vida?'. E todo musical é sobre 'o que você está fazendo da sua vida?'", completou.

O filme vai e volta entre Larson - interpretado por Andrew Garfield, realizando o monólogo de rock original de "tick tick ... Boom!" no palco em Nova York - e flashbacks dos eventos de sua vida que inspiraram a obra.

- "Ansioso para escrever" -

Embora "tick tick ... Boom!" seja o primeiro filme de Miranda como diretor, seus serviços têm sido cada vez mais procurados em Hollywood, após o enorme sucesso de "Hamilton".

A Disney pagou US$ 75 milhões pelos direitos de streaming de uma versão gravada da performance que conta a história dos fundadores da América através do hip-hop.

Miranda também produziu uma versão teatral de seu primeiro musical, "In The Heights", e escreveu as canções para um filme da Disney inspirado na Colômbia e chamado "Encanto".

Além dos atrasos decorrentes das restrições da pandemia da covid-19 que fizeram vários projetos cinematográficos coincidirem em seus lançamentos, o artista também aproveita para "ver o máximo possível de teatro" na Broadway.

"E estou ansioso para escrever novamente, assim que passar a onda de todos esses filmes que estão saindo na mesma semana, devido à pandemia", contou.

"Estou ansioso para limpar minha mesa", disse Miranda.

amz/jfx/lda/yow/jc/tt

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos