Leo Picon chama apoiadores de Lula e Bolsonaro de 'marionetes' e Gil do Vigor rebate

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O empresário e influenciador digital Leo Picon publicou uma resolução de ano novo criticada pelos seguidores, entre eles Gil do Vigor. Após postar que os apoiadores de Lula e Bolsonaro são "marionetes de populistas" e que "um dia vão acordar e perceber como puderam ser tão burros", Picon teve a crítica rebatida por Gil.

Abertamente apoiador de Lula e um dos famosos presentes na posse do presidente Lula na tarde de domingo (1º), o ex-BBB comentou que seria importante o empresário ter contato com pessoas que são afetadas por políticas públicas.

"Meu amado, amo você! Mas acredito que talvez você precise conversar um pouco mais com pessoas que são afetadas diretamente pelas políticas públicas e veria que essa 'idolatria' na verdade é apenas gratidão de um povo que por muito tempo foi esquecido", escreveu. O economista ainda se mostrou disponível para conversar com o amigo. "Estou aberto se quiser papear", afirmou.

Com a repercussão do comentário, Leo Picon ainda postou que conseguiu unir aqueles que pensam diferente. "Os dois lados me xingando, uni o Brasil dos tolos", escreveu.