Lente de contato dental sem desgaste? Conheça a técnica que promete conquistar os famosos

Sorriso de Gisele Bündchen é referência em consultórios odontológicos (Foto: Getty Images)
Sorriso de Gisele Bündchen é referência em consultórios odontológicos (Foto: Getty Images)

Por fora, um sorriso “perfeito”; por dentro, dentes desgastados de maneira irreversível. Colocar lente de contato dental é (ou pelo menos deveria ser) uma decisão complexa quando motivada apenas por fins estéticos.

No entanto, desde 2018, o dentista Victor Lima trabalha no desenvolvimento de uma técnica que entregasse um resultado mais natural em menos tempo e por um preço menor, dispensando, por exemplo, o desgaste dos dentes e a espera de até um mês para que as lentes de porcelana fiquem prontas.

“Hoje, sigo um protocolo personalizado com lentes de resina, mais finas e feitas manualmente, que são coladas uma a uma sobre os dentes. Em média, o procedimento dura duas horas por arcada e proporciona bons resultados tanto para os dentes mais claros quanto para os mais escurecidos, sendo que esses não costumam responder bem aos métodos tradicionais de clareamento”, explica o especialista.

Embora ofereçam mais naturalidade e sejam mais acessíveis financeiramente falando, a desvantagem dessas lentes (anteriormente conhecidas como facetas) é que elas exigem mais cuidados, um intervalo menor entre as manutenções. “Vale ressaltar que, no dia a dia, não há necessidade de remover as lentes para higienizar os dentes, uma vez que eles são limpos e preparados com produtos específicos para essa finalidade antes da colagem”, conclui Victor.