Kiss: turnê no Brasil será adiada por pelo menos seis meses

Jose Norberto Flesch
·1 minuto de leitura
Kiss faria seis shows no Brasil em maio
Kiss faria seis shows no Brasil em maio

O coronavírus ataca mais um. A turnê do Kiss no Brasil será adiada por pelo menos seis meses. A icônica banda americana de hard rock tinha seis apresentações marcadas no país, em maio. São Paulo, Ribeirão Preto, Curitiba, Uberlândia, Porto Alegre e Brasília estavam na rota.

O quarteto, que tem quase 50 anos de carreira, anunciava a turnê - intitulada End of the Road (o fim da estrada, na tradução) - como sua despedida dos palcos. Além da América do Sul, toda a programação da banda no mundo todo será reformulada.

Gene Simmons (baixo e vocais) e Paul Stanley (vocais e guitarra), líderes do Kiss, já davam indícios, nas redes sociais, de que não querem fazer shows tão cedo. Os dois músicos estavam soltando posts pedindo às pessoas que fiquem em casa por um tempo. Simmons chegou a fazer esse apelo com uma imagem sua em frente a uma grande multidão.

Com isso, o Kiss avalia agora duas possibilidades. Estuda vir em novembro de 2020 ou no primeiro bimestre de 2021, combinando com novas datas na Europa. A decisão ainda deve demorar alguns dias para sair.