Kerline rebate acusações de planta e relembra tretas do BBB21: "Fiz muito em uma semana"

·4 min de leitura

Kerline Cardoso ficou pouco no "BBB21", mas foi o suficiente para participar de algumas tretas, ficar conhecida do público e abrir caminho para um pós-confinamento cheio de memes nas redes sociais. Primeira convidada do programa "No Parquinho", do Yahoo!, a influenciadora digital afirmou que não se importa com o falatório das pessoas sobre sua participação na casa, mas que não aceita ser chamada de planta.

"Sofri demais com as pessoas tirando conclusão. Até hoje. Teve gente que nem assistiu e ficava me chamando de planta, olha, imagina se toda planta fosse igual a mim? Eu fiz umas tretas lá dentro, em uma semana fiz muita coisa. É normal julgarem, e estamos aqui pra isso, porque queremos criticar, falar mal dos outros, fofocar. Mas quebrar a cara depois é o melhor, viramentos de jogos", riu ela.

"BBB 22": Kerline revela troca de olhares com brother do Camarote

E não é que a Farofa da Gkay continua rendendo? Kerline Cardoso entregou que quase beijou um dos participantes do Camarote do "BBB 22", mais precisamente o velocista Paulo André Camilo.

Kerline entrou no "BBB 21" endividada

Kerline, "BBB 21", lembrou quando foi a primeira eliminada do reality show. Ela não planejou como funcionariam suas redes sociais, o que ela acredita que tenha sido um fator crucial para sair logo no início, pois estava endividada.

Ela considera que além do jogo interno do participante, a condução do posicionamento aqui fora pode fazer um ganhador. “Hoje isso conta 100%. A internet pode te alavancar ou acabar com o seu jogo lá dentro. Se a sua família, parentes, amigos, não são profissionais da área: entrega para quem é. Tem gente que faz isso de forma voluntária”, aconselha.

Sem apoio nas redes sociais

“Nunca falei sobre isso, mas quando entrei também não deixei nenhuma equipe. Não tinha dinheiro para bancar estrutura de marketing, para bancar nada. Entrei endividada e com o intuito de ganhar dinheiro”, revelou a primeira eliminada do “BBB21” à Bárbara Saryne.

A influenciadora contou que quando entrou deixou suas contas com os pais, que não entendiam como falar com os seguidores ou administrar as contas. “Não tem ninguém que trabalha com internet e isso me prejudicou muito. Um dos motivos de eu ter saído com uma porcentagem tão alta foram os equívocos causados pela minha família em relação a não saber como levar as redes sociais”, avalia.

Sem mágoas

Kerline Cardoso relembrou a sensação de ser a primeira sister a sair da casa no "BBB21", e explicou que hoje já consegue lidar com a frustração de não poder mostrar seu jogo para o público.

"Aconteceu o que tinha que acontecer, é um jogo. Fui disposta a jogar, mas acontece. Infelizmente caí num paredão difícil com duas pessoas muito queridas pelo público, então ficou difícil pra mim", afirmou ela, que disputou a berlinda com Rodolffo e Sarah e saiu da casa com 83,50% dos votos.

Torcida no BBB22

Kerline Cardoso já tem seus favoritos no "BBB 22". A sister, que participou da edição anterior do reality show, marcou presença na esteia do "No Parquinho", programa de entrevistas do Yahoo sobre o "BBB", e afirmou que Jessilane está entre suas apostas para vencer a nova temporada do programa de entretenimento.

Para ajudar a professora de Biologia a chegar perto do tão sonhado prêmio, Ker confessou que procurou seus familiares e ofereceu ajuda. "Acho que a energia dela combina muito comigo, essa energia caótica, cervejinha na praia. Cedi meu administrador do Twitter e meu jurídico. Ia ceder minha equipe toda para a Jessi", revela a primeira eliminada do "BBB 21".

Reality como vício

Kerline Cardoso ficou poucos dias na casa do "BBB21", mas afirmou que ficou viciada na sensação de adrenalina de estar no confinamento mais famoso do Brasil. Primeira entrevistada do programa "No Parquinho", do Yahoo!, a sister explicou que abrir a porta da área externa é um momento que nunca conseguiu replicar.

"Vai ser difícil eu ter a mesma sensação e experiência com qualquer outra coisa. É único. Até me arrepio quando lembro. Quando abri aquela porta, é realmente uma sensação, uma adrenalina... por isso acho que é tipo um vício. Acho que todos os ex-participantes participariam novamente, porque desperta emoções que nunca viveu. Nunca viveremos de novo também, mesmo entrando em outro reality. É algo diferente. Foi incrível, mesmo passando poucos dias na casa", explicou Kerline.