Kate Winslet elogia 'atores maravilhosos' que falam sobre assédio

·1 minuto de leitura
Kate Winslet credit:Bang Showbiz
Kate Winslet credit:Bang Showbiz

Kate Winslet elogiou a coragem dos “atores maravilhosos” que falaram sobre o assédio e o abuso.

A estrela de ‘Titanic’ enviou seus agradecimentos às centenas de atores e trabalhadores da indústria cinematográfica que se prontificaram a expor as coisas "terríveis" pelas quais passaram à luz dos movimentos #MeToo e Time’s Up.

E Kate acredita que as coisas estão finalmente “avançando” em Hollywood agora, já que ela disse que o meio artístico está passando por um “tempo de mudança”.

Ela disse: "Os homens sempre foram pagos mais, ou apenas tratados de forma diferente em relação ao nível de respeito no set. E eu acho que definitivamente isso está mudando. Temos que agradecer aos atores maravilhosos que falaram sobre experiências que têm sido tão terríveis. Todos nós apoiamos vocês. Não vamos deixar que essas coisas aconteçam mais. Este é um tempo de mudança, de nos livrarmos daquelas coisas horríveis, ficarmos juntos e seguirmos em frente."

Kate também acredita que a coragem de outras pessoas na indústria cinematográfica ajudou mais mulheres a ocupar cargos importantes por trás das câmeras.

A beldade, de 45 anos, foi produtora executiva e estrelou ‘Mare of Easttown’, que já recebeu 16 indicações no total, incluindo um Emmy de Melhor Atriz para a própria Kate.

Em entrevista à revista ‘People’, ela disse: "Eu estava tentando colocar isso em palavras com meu marido [Edward Abel Smith], e eu estava tipo, eu sinto que todos os meus 16 filhos acabaram de se formar. Tenho feito esse trabalho há quase 30 anos, mas quando se trata de momentos como este em que o trabalho é reconhecido em uma escala tão grande, sabendo o que significou para todos nós, é especialmente especial.”

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos