Justiça solta um dos suspeitos de furto a Carlinhos Maia; dois continuam presos

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Justiça de Alagoas mandou soltar um dos três suspeitos presos por envolvimento no furto ao apartamento do influenciador digital Carlinhos Maia, 30. A prisão dos outros dois foi mantida. Segundo a polícia, as investigações continuam.

O Tribunal de Justiça afirmou, em nota, que a prisão do suspeito foi substituída por medidas cautelares, de acordo com decisão da 17ª Vara Criminal da Capital. Apesar disso, não foram dados detalhes do caso, já que ele segue em segredo de justiça.

O trio foi preso na noite da última segunda-feira (6) em Campina Grande, na Paraíba, após a apreensão de um carro que teria sido usado no furto e localizado posteriormente em uma área de desmanche. Os três seriam cúmplices nesse tipo de crime há anos.

Segundo a polícia, os suspeitos souberem dos bens do influenciador e que a casa estaria vazia pelas redes sociais de Carlinhos Maia. Não está descartada, no entanto, a participação de outras pessoas. Ao todo, foram levados R$ 5 milhões em objetos.

O roubo ao apartamento do influenciador em Maceió aconteceu na madrugada do dia 29 de maio, um domingo. Maia não estava na casa na ocasião do roubo, estava internado para ser fazer uma lipoaspiração. Já seu marido, Lucas Guimarães, estava no México.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos