Juma tem crise de pânico nos preparativos do casamento em "Pantanal"

Juma fala com padre antes do casamento (Reprodução Globo)
Juma fala com padre antes do casamento (Reprodução Globo)

Juma (Alanis Guillen) teve uma crise séria de ansiedade durante os preparativos para seu casamento com Jove (Jesuíta Barbosa) em "Pantanal". A jovem sempre teve dúvidas sobre a cerimônia, e não conseguiu se sentir à vontade após ver a fazenda lotada de convidados que ela sequer conhece.

A ansiedade começou quando Juma conversava com Filó sobre o casamento. Hesitante, Juma questionou se o casório não passava apenas de uma besteira. "Pode até ser uma besteira, Juma. Mas uma besteira maior ainda ia ser você deixar de casar com o homem que você ama por causa dos outros", explicou Filó, acolhendo a jovem.

Com o apoio de Filó e Muda, Juma melhorou, mas logo voltou a passar mal ao se ver com o vestido de casamento diante de Mariana (Selma Egrei) e Irma (Camila Morgado). As observações de ambas só pioraram a situação, e Juma se desesperou ao não conseguir respirar. Em seguida, a mocinha aproveitou a janela aberta para fugir do local, e encontrou o Velho do Rio em seu caminho.

Casamento

O casamento de Jove (Jesuíta Barbosa) e Juma (Alanis Guillen) é uma das cenas mais esperadas de "Pantanal", mas não será igual ao roteiro de Benedito Ruy Barbosa que marcou a primeira edição da novela. Bruno Luperi vem fazendo pouquíssimas mudanças importantes no roteiro original, mas decidirá colocar um drama a mais com a "fuga de Juma.

Na dúvida se realmente quer se casar e incomodada com o vestido formal, Juma aproveitará uma distração de Irma (Camila Morgado) para fugir da fazenda de José Leôncio (Marcos Palmeira). Embrenhada na mata, ela encontrará o Velho do Rio (Osmar Prado), que tentará convencê-la a voltar para a cerimônia e seguir seu destino, que é ser feliz ao lado de Jove.

Na cerimônia original de 1990, Juma também sentiu o estranhamento da situação, mas não fugiu para a mata. Na cena, a personagem contou para o padre que não foi batizada, e ganhou a benção pouco antes do casamento. "Eu só quero me casar com Joventino. Ele é meu homem", diz Juma, na época interpretada por Cristiana Oliveira. "Filha de Gil e de Maria, eu te batizo, Juma Marruá", responde o sacerdote.

"Deixamos de lado vários pretextos e motivos que costumam colocar em uma cerimônia e nos ativemos apenas a um: o amor. O amor de Jove por Juma, e o de Tibério por Maria Rute. Essa é a razão, a primeira, a principal, a que realmente importa quando duas pessoas querem se unir pelos sagrados laços do matrimônio", diz o padre no casamento, que em 1990 também foi duplo, com o casório de Tibério e Muda.

Uma cena que se repete em "Pantanal" atual é a briga entre Jove e Alcides (Juliano Cazarré). Bêbado, o personagem tentará dançar com Maria Bruaca (Isabel Teixeira). A dona de casa, assustada que Tenório possa descobrir seu affair com o peão, não só nega como humilha Alcides diante de todos. Revoltado, ele tentará puxar Juma para dançar, mas a situação terminará numa briga de faca, com Jove imobilizando o peão no chão.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos