Juliette fala sobre "pânico" com fama e explica por que assiste ao "BBB21": "Virar a página"

·2 minuto de leitura
Juliette Freire no
Juliette Freire no "Altas Horas". Foto: reprodução/TV Globo

Resumo da notícia

  • Juliette contou que teve momentos de pânico com a fama repentina após o "BBB"

  • No "Altas Horas", paraibana contou que hoje lida melhor com o show business

  • Ela também cantou com Chico César e falou por que decidiu assistir ao reality

Quatro meses após deixar o "Big Brother Brasil 21", Juliette Freire diz ainda estar se acostumando ao show business. A fama repentina após vencer o reality show chegou a causar "pânico" na paraibana, como ela admitiu em conversa com Serginho Groisman no "Altas Horas" do último sábado (18).

"Estava tão abalada que só pensava em encontrar meus amigos e minha família. Não entendia muito. O Tiago Leifert tinha falado muito por cima, entendi que era um fenômeno, mas queria entender o porquê. Eu tinha esperança de que eu ia sair querida porque eu tinha consciência das minhas atitudes, de quem eu era. Mas eu não tinha noção de que seria tão grande", disse ela.

Leia também:

A cantora disse que se assustou com o cenário que encontrou fora do confinamento - milhões de seguidores e também muita expectativa sobre seus próximos passos. "Eu falei: 'Será que essa pessoa aí que estão amando tanto sou eu? Eles viram tudo?'. Demorou um tempo até eu entender por quê. Nos primeiros dias eu ficava em pânico", confessou.

O padre Fábio de Melo, que também participou da atração, foi uma das pessoas que lhe aconselharam nessa fase. "Eu cheguei em pânico, falei para ele: 'Estou com muito medo, por favor, o que eu faço?'. Demorou um tempo para me reconectar e perder o medo, e entender que isso era uma bênção, eu não precisava estar assustada com isso. Depois fui acostumando, agora estou mais ou menos", contou a ex-BBB, aos risos.

Aos poucos, a paraibana foi aprendendo a lidar melhor com seu novo estilo de vida. "É como se tivesse tipo um cavalo e eu estou tentando laçar, me adaptar, subir nele e seguir. Estou me acostumando, já estive bem mais agoniada, hoje em dia já estou respirando. [...] As pessoas estão respeitando mais essa transição de vida que foi muito brusca", pontuou.

Apostando suas fichas na música, Juliette fez dueto com Chico César no palco do programa, interpretando "Deus Me Proteja de Mim", e compartilhou como tem desbravado a nova carreira: "Eu queria dizer que esse mundo não é fácil, a gente idealiza muito o mundo artístico, a vida artística".

Ainda se acostumando a tantas novidades, ela descartou a possibilidade de se arriscar como atriz. "Estou fora, essa não quero, já basta os desafios que eu estou enfrentando, isso é muito também. Deixa cada coisa no seu lugar", brincou.

Nas brechas de sua agenda lotada, Juliette tem assistido ao "BBB21", mesmo contra a vontade sua psicóloga e dos amigos, para "virar a página". 

"Eu estou no terceiro paredão ainda e é muito estranho, minha gente. E quer que eu diga? Não me surpreendi. Os sentimentos que eu tinha lá dentro condiziam com o que acontecia aqui fora, por incrível que pareça. Alguns excessos me assustaram, mas em regra a energia era a mesma", declarou.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos