Juliano Cazarré improvisa sermão do Alcides de “Pantanal” no vilão de “Pluft”

Juliano Cazarré em
Juliano Cazarré em "Pantanal" e em "Pluft, o Fantasminha". Foto: Divulgação/Globo/Downtown Filmes

Resumo da notícia:

  • Juliano Cazarré incorporou o Alcides, de "Pantanal", para aconselhar o vilão de "Pluft, o Fantasminha"

  • Em entrevista ao Yahoo, ator previu o que seu personagem da novela da Globo diria ao Perna de Pau

  • Filme infantil 3D chega aos cinemas na próxima quinta-feira (21)

Juliano Cazarré se prepara para estrear nas telonas com uma produção voltada para os seus filhos. Em "Pluft, o Fantasminha", o ator vive o vilão Perna de Pau, um pirata que sequestra a protagonista, e revelou ao Yahoo como foi exibir o mais novo filme infantil para seus herdeiros além de brincar com a possibilidade de uma conversa do pirata com seu personagem de "Pantanal".

“Levei os três mais velhos, que são os que teriam cabeça para entender. Até achei que a mais nova poderia se assustar com o escuro do cinema, chorar, então levei os mais velhos", contou ele, que é pai de Vicente, de 12 anos; Inácio, de 9; Gaspar, de 3; Maria Madalena, de um ano, e a recém-nascida Maria Guilhermina, frutos de seu casamento com Leticia Cazarré.

"Todos gostaram, o de 12 gostou, o de 9 gostou, o pequeno, o Gaspar, de 3 anos e meio,, gostou muito. Ele sabia que era o papai que estava lá, mas ele esqueceu e só via o Pirata e a Maribel e passou dias me falando do Pluft, da Maribel, me fazendo perguntas porque ele está naquela idade de perguntar tudo. Muito legal", completou.

Questionado sobre o que Alcides, que está conquistando o Brasil pelo romance com Maria Bruaca em "Pantanal", falaria para o pirata de "Pluft", Juliano improvisou um sermão do mocinho pantaneiro. "O Alcides ia falar para ele: ‘Uai, moço. Eu não tive pai não, que o meu pai morreu quando ele era muito pequeninho e eu gosto muito de criança. 'Ocê' não vem fazer maldade com a Maribel não, senão eu vou dar um jeito em 'ocê' rapidinho, seu Perna de Pau folgado”, declarou o ator ao interpretar o personagem da novela da Globo.

Ele ainda contou o que achou mais difícil ao estrelar a adaptação da peça de Maria Clara Machado. "O maior desafio foi contracenar com uma menina de 9 anos de idade [Lola Belli]. Tinha os desafios técnicos de fazer cena com o papagaio ou com os cabos, ou de me equilibrar em cima da perna de pau. Mas o mais desafiador era estar ali e fazer o que ela precisava para ela estar na cena junto comigo, motivá-la, deixá-la confortável, feliz e atuar no mesmo nível que ela", concluiu Cazarré.

"Pluft, o Fantasminha"

O primeiro filme infantil live-action 3D do Brasil chega aos cinemas na próxima quinta-feira (21) com nomes como Juliano Cazarré, Arthur Aguiar e Fabiula Nascimento no elenco.

Dirigido por Rosane Svartman, o longa é uma adaptação da peça de teatro de Maria Clara Machado. Na trama, Arthur Aguiar, Lucas Salles e Hugo Germano formam o trio de aventureiros para ajudar Maribel, vivida por Lola Belli, após ser sequestrada pelo pirata Perna-de-Pau, interpretado por Juliano Cazarré.

Durante a missão, os marinheiros acabam conhecendo o fantasminha Pluft, vivido por Nicolas Cruz, que morre de medo de gente, além de Mãe Fantasma, interpretada por Fabíula Nascimento, e sua família. Confira o trailer:

Ouça o Pod Assistir, podcast de filmes e séries do Yahoo:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos