Julia Duailibi relata assédio que sofreu de político no Congresso: 'Muito difícil'

Jornalista Julia Duailibi revelou ter sofrido assédio de político (Foto: TV Globo/Imprensa Globo)
Jornalista Julia Duailibi revelou ter sofrido assédio de político (Foto: TV Globo/Imprensa Globo)

Resumo da Notícia:

  • Julia Duailibi revelou um episódio de assédio que sofreu de um político

  • Jornalista relatou momento constrangedor que passou enquanto fazia uma cobertura em Brasília

  • Âncora da GloboNews recebeu uma proposta indecente de deputado

Âncora da GloboNews, Julia Duailibi revelou que foi vítima de assédio praticado por um político enquanto trabalhava em Brasília (DF). A jornalista recordou o caso e detalhou a proposta inadequada feita pelo deputado.

"Quando eu comecei, lembro de um episódio que me marcou muito, que foi no Salão Verde da Câmara dos Deputados. Precisava de um telefone, e um deputado específico tinha um contato que poderia me dar aquele número. Aí, ele me falou: 'Me encontra às 19h aqui no Salão, que eu te dou o telefone que você quer'. Beleza, cheguei lá, ele tirou do bolso um papel com o telefone e estendeu até mim. Na hora que fui pegar da mão dele, ele recolheu, colocou no bolso e disse: 'Só se a gente for jantar'", contou no "Conversa com Bial".

Durante o relato, Julia afirmou que no momento, respondeu de forma profissional para parar o assédio. "Aí falei: 'Acho que aqui tem um engano, porque esse telefone não é para a Julia, ele é para o jornal que estou representando. Mas, se o senhor não quiser dar pra mim, não tem o menor problema, eu aviso meu diretor de redação que que você não quis passar o telefone para o jornal'. Não lembro se era na Folha ou no Estadão que trabalhava na época", disse.

Com o aumento de mulheres no jornalismo político, Julia destacou que a situação "melhorou, mas ainda é um ambiente muito difícil": "Há alguns anos, uma jornalista me contou de um episódio em que ela estava usando saia, e um ministro falou assim: 'Se você for de saia, eu vou preferir te atender'".

Andreia Sadi se posiciona

Andréia Sadi também estava na entrevista e expôs a fama que tinha nos arredores do Planalto. "Pelo fato de a gente ter que se proteger, reagir e se colocar, se posicionar, por exemplo, eu tinha fama de brava em Brasília. Mas por qual razão? Sadi, você é brava? Claro, porque você tem que ser três vezes mais séria, como tudo na vida da mulher. E também, na hora de se posicionar, você tem que ser mais enfática. Mas é o que falava: 'Ué, quando a gente se posiciona, somos bravas. Quando um homem fala, ele é firme?'. Então tem isso", argumentou.