Jorge, da dupla com Mateus, processa ex-cunhado por injúria contra esposa

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O cantor Jorge, 38, da dupla com Mateus, 34, e sua esposa Rachel Boscatti, movem um processo contra Pedro Freitas, irmão de Ana Carolina Freitas, ex do cantor, por injúria. Freitas fez uma publicação em que desabafa sobre Boscatti, na mesma época que ela e o cantor revelaram estar "grávidos". O casal deu entrada na ação em janeiro deste ano, no 1º Juizado Especial Criminal de Goiânia. O processo, que não corre em segredo de justiça, ainda não teve andamento em decorrência da pandemia do coronavírus. A acusação se originou pela publicação do ex-cunhado, feita em outubro do ano passado. "Rachel Boscatti, parabéns, você conseguiu o que sempre queria. Desejo toda felicidade neste momento, como não conseguiu engravidar de mim, tentou o time do Flamengo todo", começou Freitas no desabafo em seu Instagram. "Barcelona, equipe do Villa Mix e pegou o Jorge Principe do Egito de Barba da Mesopotâmia, seu ex-cunhado e marido da sua melhor amiga", continuou. "Vocês se merecem desejo que seja uma mulherzinha para seguir o caminho da mãe ou um homenzinho para seguir o pai maravilhosos". Jorge e Ana Carolina, apelidada de Ina, se separaram no final de 2019, após 12 anos juntos. Em outubro de 2020, o cantor e Boscatti tornaram a relação pública. O casal que espera pela primeira filha, Sara, se casou em uma cerimônia íntima no final de março. Na publicação, Freitas também lembra que Ina e sua ex-namorada tinham uma relação de amizade muito forte. Boscatti chegou a ser madrinha de casamento de Ina, em 2011. Recentemente, a ex-mulher de Jorge afirmou que está bem com o casamento do músico com sua ex-amiga. “Estou chocada com a quantidade de mensagens. Não tenho muito o que falar, só tenho que agradecer o carinho que vocês têm comigo. E está tudo certo, cada dia melhor. Estou no melhor momento da minha vida. Obrigada pela preocupação”, disse Ina. Procurados, a assessoria do cantor e Pedro Freitas não se pronunciaram até a publicação desta matéria.