Jonathan Azevedo diz que Sabiá de 'A força do Querer' foi tudo em sua vida

·2 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O ator Jonathan Azevedo, 34, está muito feliz pelo fato de poder assistir de novo um de seus personagens mais importantes, o Sabiá, na novela "A Força do Querer" (Globo). O personagem entra na trama a partir desta próxima quinta-feira (12). "O Sabiá era um cara cheio de caráter, ética, compaixão e afeto que acabou ganhando o Brasil. Esses quatro pilares pulsavam muito em mim quando eu estava em cena. Sempre quis levar isso para esse personagem. São esses quatro pilares que fizeram o Sabiá ser o que ele foi", conta o ator que avalia ser este um dos principais papéis de sua vida. "A novela foi um divisor de águas na minha vida. Foi tudo na minha carreira, eu pude me apresentar como ator para o Brasil inteiro", diz. Na história, o traficante acaba ajudando a levar Bibi (Juliana Paes) para o mundo do crime. A parceria com Juliana, aliás, é um dos marcos nesse trabalho para o artista. "Uma cena marcante foi meu primeiro encontro com a Juliana Paes. Aquela mulher incrível e generosa, com um coração gigante já me dizia muito sobre o que iria acontecer na minha vida. Uma das cenas que eu quero mais rever é esse primeiro encontro do Sabiá com a Bibi. Agora vou olhar de fora", projeta. Com um jeito engraçado, o Sabiá fez bastante sucesso e teve boa repercussão. "Depois que a novela acabou fiquei muito tempo sendo chamado de Sabiá. Até começar o PopStar e depois a Dança do Famosos. Eu posso estar em qualquer lugar do Brasil que falam comigo sobre o Sabiá. Eu fico muito feliz em receber esse carinho." Azevedo, atualmente, grava um filme sobre o Fernando Tererê, cinco vezes campeão mundial de jiu-jitsu. "Fazer um atleta para mim está sendo algo mágico. Fico com o corpo todo dolorido no processo de treino, estou me dedicando muito. Poder representar um atleta faz com que passe um filme na minha cabeça, porque é a história de muitos meninos negros que sonham em ser atletas nesse país", opina.