John Boyega, astro de Star Wars, se revolta com racistas no Instagram

John Boyega, astro de Star Wars, se revolta com racistas no Instagram (reprodução)

O assassinato de George Floyd, um cidadão norte-americano George Floyd morto por um policial, horrorizou o mundo. John Boyega, o Finn dos filmes de Star Wars, se revoltou com o caso em suas contas nas redes sociais e acabou precisando responder racistas à altura.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Tudo começou com uma postagem no Twitter. “Eu odeio esses racistas do c******. Parece ser um ciclo sem fim. Os assassinos precisam ser punidos severamente. Mesmo à face da morte esse homem recebeu zero empatia”, afirmou o ator sobre Floyd.

Leia também

A morte de Floyd foi filmada por testemunhas. Jogado no chão, a vítima vê o policial colocar a perna em cima de seu pescoço e reclama de dores e falta de ar, antes de deixar de respirar definitivamente. No Instagram, Boyega também se pronunciou.

“George Floyd. Estou com o coração partido por saber desse ciclo contínuo de violência contra pessoas negras por policiais racistas. Apenas acusações de assassinato. É o primeiro post no qual fecho os comentários. Ninguém terá a palavra final hoje. É isso”.

Como alguns seguidores passaram a criticar o posicionamento do astro, Boyega precisou ser ainda mais enfático em uma live e pedir, de uma vez por todas, que racistas deixem de segui-lo nas redes sociais. Assista abaixo o desabafo:

“Vou dizer outra vez, f***-se você racista branco. Eu disse o que eu disse. E se você não gostou, vá chupar um p*u. Sério. Qualquer racista de merda vai ser bloqueado na hora, está tudo bem, e eu não preciso de você na minha página.”

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.