John Baldessari, pioneiro da arte conceitual, morre aos 88

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O artista americano John Baldessari, um dos principais nomes da arte conceitual, morreu na noite deste sábado (4), aos 88 anos. Segundo o Los Angeles Times, a causa da morte, confirmada pela fundação do artista, não foi divulgada.

Baldessari foi um dos nomes que, na década de 1960, revolucionou a história da arte com a introdução de fotografia e texto e influenciou as gerações seguintes. 

Inspirado por nomes como Duchamp e Edward Ruscha, ele explorou a linguagem e a cultura de massa a partir de pinturas com textos e imagens e composições com fotografias retiradas de revistas, filmes e outras fontes.

Nascido em 1931 em National City, na Califórnia, ele estudou História da Arte na Universidade de San Diego e começou a lecionar em escolas públicas da região antes de se tornar professor do CalArts e da UCLA, onde deu aula para nomes como David Salle, Tony Oursler, Matt Mullican e Lawrence Weiner.