Jogadora americana é condenada a 9 anos de prisão na Rússia

Brittney Griner credit:Bang Showbiz
Brittney Griner credit:Bang Showbiz

A jogadora de basquete Brittney Griner foi condenada a nove anos de prisão por um tribunal da cidade de Khimki, na Rússia.

A estrela da liga profissional de basquete feminino, 31 - que morava no estado do Texas com a esposa, Cherelle Griner - foi presa por tráfico de drogas na Rússia poucos dias antes de o país invadir a Ucrânia e, agora, foi condenada a quase uma década atrás das grades após passar por um julgamento nesta quinta-feira (4).

Brittney - que também recebeu uma multa de 16 mil dólares [R$ 79 mil, em conversão atual] pelo suposto crime - portava menos de um grama de óleo de Canabidiol quando desembarcou no país.

Após o veredito, o presidente dos EUA, Joe Biden, afirmou, em nota, que a condenação da atleta é inadmissível.

"Hoje, a cidadã americana Brittney Griner recebeu uma sentença de prisão que é mais um lembrete do que o mundo já sabia: a Rússia está detendo Brittney injustificadamente. É inadmissível e peço à Rússia que a solte imediatamente para que ela possa estar com sua esposa, entes queridos, amigos e companheiros de equipe", disse o chefe de Estado através de um comunicado.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos