Joel Courtney, de 'A Barraca do Beijo', diz ser pateta como personagem e que aprendeu a amar

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Intérprete do personagem Lee no filme da Netflix "A Barraca do Beijo", o ator norte-americano Joel Courtney, 24, revelou que tem muitas familiaridades com o personagem do longa. Em entrevista no festival da plataforma Tudum, contou mais sobre como conheceu a protagonista Joey King e um pouco sobre o terceiro filme que deve estrear em 2021. "O que tenho de mais parecido com o personagem é que assim como ele eu sou meio pateta, divertido e feliz. E nós dois queremos amar", disse ele que na quarentena subiu ao altar com a sua melhor amiga, Mia Scholink, 23, que conhece desde que nasceu. De acordo com o artista, sua amizade com a protagonista Joey é de longa data e só se fortaleceu com o decorrer das filmagens. "A gente quando era mais novo saía para umas festas. Quando nos encontramos a relação foi instantânea", contou. A terceira continuação da trama dirigida por Vince Marcello já está totalmente filmada, portanto, não sofrerá nenhuma alteração por conta da pandemia do novo coronavírus. Para animar os fãs da franquia, a Netflix j´s divulgou um trecho inédito nas redes sociais. Sobre isso, o ator deu alguns detalhes do que poderá ser visto. "O Lee é dessas pessoas que sempre vai aprendendo lições e algumas boas ele vai aprender no terceiro filme. Ele tem o melhor no coração", disse. O artista, que tem como maior inspiração o próprio irmão, quem ele via trabalhar na área ainda pequeno, revelou ainda o que ele mesmo aprendeu com as filmagens da saga "A Barraca do Beijo". "Nós aprendemos mais sobre o amor e que para ele não há limitações", completou.