Joaquin Phoenix come hambúrguer vegano após vencer o Oscar

Joaquin Phoenix e Rooney Mara comem hambúrguer vegano após o Oscar 2020 (Foto: Reprodução/Instagram @gregwilliamsphotography)

Joaquin Phoenix venceu a categoria de melhor ator no Oscar 2020 pela sua performance em ‘Coringa’. A premiação aconteceu na noite do último domingo (9) em Los Angeles, nos Estados Unidos. Ele comemorou a estatueta comendo um hambúrguer vegano ao lado da noiva, a atriz Rooney Mara.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

O casal foi flagrado pelo fotógrafo Greg Williams e eles apareceram felizes jantando sentados no chão. O clique viralizou nas redes sociais. “É a foto do dia”, “que momento” e “lindos” são alguns dos comentários sobre o registro.

Leia também

Confira:

O astro, que é vegano e ativista dos direitos dos animais, falou sobre a causa ambiental em seu discurso de agradecimento. Phoenix aceitou o prêmio emocionado e aproveitou o momento para levantar questões políticas.

“O melhor presente que o cinema me deu é a oportunidade de dar voz para aqueles que não têm. Tenho pensado muito sobre esses problemas que estamos enfrentando coletivamente. Se lutamos contra desigualdade de gênero, racismo, pelos direitos das pessoas LGBTQ+ ou pelos direitos dos animais, estamos lutando contra a injustiça. Estamos lutando contra a ideia de que uma nação, uma raça, um gênero tem o direito de dominar e explorar outros com impunidade”, dispara o ator.

Joaquin Phoenix ganha o Oscar de melhor ator pelo filme 'Coringa' (Foto: Kevin Winter/Getty Images)

Joaquin Phoenix, de 45 anos, fez um balanço sobre a carreira e ainda agradeceu pelas oportunidades que ganhou da comunidade do cinema.

“Fui um canalha durante toda a minha vida. Fui egoísta, cruel, às vezes, difícil de trabalhar e ingrato, mas muitos de vocês nesta sala me deram uma segunda chance. E acho que mostramos o nosso melhor quando apoiamos uns aos outros, não quando nos cancelamos por erros do passado, mas sim quando nos ajudamos a crescer, quando nos guiamos para o caminho da redenção. Esse é o melhor da humanidade”, diz.

Confira um trecho do discurso: