João Gomes, fenômeno da vaquejada, é fã de Belchior e Cartola e conta como compõe: "A inspiração é um momento mais louco na vida"

·5 min de leitura
Aos 19, João Gomes, sucesso da vaquejada, é o mais ouvido do Spotify e conta por que Belchior e Cartola são referências (Reprodução)
Aos 19, João Gomes, sucesso da vaquejada, é o mais ouvido do Spotify e conta por que Belchior e Cartola são referências (Reprodução)

João Gomes tem apenas 19 anos e há poucos meses viu sua vida mudar ao viralizar no TikTok e Instagram com os trends de "Meu Pedaço de Pecado". Há várias semanas, a música está no topo das mais ouvidas do Spotify Brasil e seus vídeos aparecem em alta no YouTube. Com uma voz grave, nada comum para a sua idade, o pernambucano se destaca no forró de vaquejada e já emplaca outras canções nas paradas de sucesso: "Aquelas Coisas", "Se For Amor", "Eu Tenho a Senha" e "Mete um Block Nele" são algumas das músicas no topo das mais ouvidas do streaming.

Durante a entrevista para o Yahoo Vida & Estilo, João conversou com o som ligado em "Caso Comum de Trânsito", canção de Belchior (1946/2017), sucesso nas décadas de 70 e 80, bem antes de o cantor vir ao mundo e falou sobre sua admiração pelo artista e também pelo poeta e cantor Cartola.

Leia também:

"Como sempre fui apaixonado pela música, sempre busquei ouvir de tudo. Por acaso, Belchior e Cartola apareceram na minha vida, assisti muitas entrevistas e pude acompanhar e me identificar muito com as músicas, com as formas que eles escrevem, do por que eles escreverem daquela forma. Cartola fala que escreve conforme a idade e é isso que tento fazer também", diz ele, que também explica que procura não deixar o sucesso subir à cabeça após a fama repentina.

"Eu escuto Belchior, ele fala que tudo passa e com toda a razão. Tenho que manter firme os pés no chão, pedir a Deus o discernimento e a sabedoria para lidar com as situações e com toda essa pressão, mas Ele está comigo, eu tiro de letra".

Aos 19, João Gomes, sucesso da vaquejada, é o mais ouvido do Spotify e conta por que Belchior e Cartola são referências (Reprodução)
Aos 19, João Gomes, sucesso da vaquejada, é o mais ouvido do Spotify e conta por que Belchior e Cartola são referências (Reprodução)

O início na música veio por acaso, ele sempre gostou de cantar, mas não pretendia seguir a carreira profissional por enquanto, já que seus pais sempre se preocuparam com a instabilidade e apostavam que concluir os estudos seria o caminho mais seguro. "A música aconteceu de uma forma bem natural, como uma paixão, sempre gostei de participar do coral da igreja, desde pequeno, de me expressar através dela. Esse sonho começou a ficar maior do que eu imaginava e nessa grandeza eu encontrei a possibilidade de sonhar e acreditar que ia dar certo e está dando".

"A inspiração é um momento mais louco na vida de quem faz música"

O viral de "Meu Pedaço de Pecado" aconteceu de forma natural, assim como a divulgação nas redes sociais. Até então, o cantor tinha 15 mil seguidores. Agora esse número ultrapassa os seis milhões. "O sucesso foi de uma forma orgânica. A galera se sentiu à vontade para brincar e deu essa repercussão na música. Não tem explicação. Eu planejava gravar só uma música para a galera que já me acompanhava. Eu tinha uns 15 mil seguidores e e até então não tinha condições de gravar. Juntei com um amigo tecladista e ele me ajudou nessa e a gente gravou e deu tudo certo. Falei 'seja o que Deus quiser e para onde for, que me leve. E foi muito forte, tudo foi muito forte, não tinha como dar errado", comemora. O vídeo da música tem mais de 50 milhões de visualizações em seu canal do YouTube e o clipe já alcançou 38 milhões de views.

"Busco inspiração com as coisas que vivo, depende da situação. Romântico não sou, mas a música vem de uma forma tão avassaladora e surge e some se você não tomar cuidado. A inspiração é um momento mais louco na vida de quem faz música. Componho com muita inspiração e sempre com as coisas que vivo, que sinto saudades, para ser verdadeiro no verso".

Em "Meu Pedaço de Pecado" João Gomes canta em um trecho: "Quero ser teu namorado, ficar do seu lado e falar no ouvido que... Você é a mais bonita, um pedaço da vida, de felicidade...". Mas será que na vida real, ele também busca um amor para chamar de seu? "Procuro primeiramente construir um bom show, fazer o melhor possível com o que Deus está me dando, depois eu penso nisso. No momento só penso em cantar e melhorar o meu ofício".

Aos 19, João Gomes, sucesso da vaquejada, é o mais ouvido do Spotify e conta por que Belchior e Cartola são referências Reprodução)
Aos 19, João Gomes, sucesso da vaquejada, é o mais ouvido do Spotify e conta por que Belchior e Cartola são referências Reprodução)

João Gomes queria ser jogador de futebol e é fã de Neymar

Antes de sonhar em se profissionalizar na música, João Gomes tinha um sonho de carreira bem comum entre os meninos na infância. "Eu sonhava em ser jogador de futebol na infância. Gostava de jogar bola, como todo menino brasileiro. Me apaixonei pela aquela alegria, aquela coisa que era Neymar, por isso que torço para o Santos. Hoje tenho a alegria de ele me acompanhar, e de tudo que veio até mim, sou um dos caras mais felizes do mundo por causa disso. Muitas coisas que eu sonhava muito, estão acontecendo".

Reservado, o cantor faz mistério sobre os sonhos concretizados após a fama e ganhar dinheiro com a música. "Realizei muitos desejos, ganhei muito mais do que esperava. Antes disso, já sou muito rico de fé em Deus, isso é o mais importante. Graças a Deus, a agenda está lotada, sempre falo para galera que ir para o show, tem que apresentar o comprovante da vacina, para a gente poder fazer a festa".

E já que a agenda está cheia, mesmo na pandemia, ele diz que está sem endereço fixo. "Atualmente moro na estrada. O que mudou com a fama foi a possibilidade de cuidar das pessoas que amo, poder me apresentar para as pessoas, ter que me privar de certas coisas, mas fora disso, é maravilhoso poder viajar", conta ele, que emenda cantando um trecho de "A Vida do Viajante", de Gonzaguinha. "Chuva e sol, poeira e carvão, longe de casa, sigo o roteiro mais uma estação e alegria no coração".

Grato e focado em crescer cada vez mais, João Gomes prefere não fazer muito planos, mas carrega na mente a vontade de fazer a mudança e agradar seus fãs com as suas composições. "Não sei o que pode acontecer daqui para o amanhã, mas o meu projeto do futuro é sempre o melhor hoje porque hoje é o dia mais importante para mudar o futuro".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos