'Jibing' é a nova tendência de namoro

O namoro moderno vem com uma lista de termos da nova era. Foto: Getty Images

Acompanhar o jargão moderno do mundo do namoro pode ser quase tão difícil quanto sobreviver nesse universo.

Já conhece o Instagram do Yahoo Vida e Estilo? Siga a gente!

Mas agora há uma nova adição à extensa lista de termos: 'jibing'. E embora a frase seja estranha aos olhos e ouvidos, seu significado é talvez o mais milenar que já vimos do vocabulário romântico.

Leia também

O termo refere-se ao uso de sites tradicionalmente projetados para a venda de bens ou serviços usados ​​como forma de encontrar um parceiro romântico. Ou seja, quando você usa um grupo do Whatsapp de vendas para conseguir um "contatinho”, você está praticando jibing.

O surgimento do jibing

Facebook Mercado por exemplo, é projetado para trocar mercadorias ou serviços por dinheiro, mas na verdade podem funcionar como um meio para conhecer novas pessoas em uma situação de vida semelhante.

A relevância do termo foi explicada pela especialista em relacionamento Dra. Nikki Goldstein para o D’Marge, onde ela falou sobre como o jibing se relaciona com outras mudanças nas normas culturais.

"A vantagem é que você já tem o contato da pessoa, por isso diminui o constrangimento de pedir o contato de alguém... é mais fácil enviar uma mensagem de texto e dizer: 'Ei, vamos sair para beber uma hora'", disse ela.

"O mais difícil é quando você encontra alguém pessoalmente hoje em dia, sente que há uma conexão e precisa pedir o número dela".

Nikki continuou explicando que a natureza descontraída de uma introdução informal tem mais probabilidade de desencadear uma conexão natural se compararmos com um primeiro encontro muitas vezes cheio de pressão.

"Você está em um estado mais natural", disse ela.

"É por isso que acho que funcionará melhor [do que] um desses encontros em que você está sentado diante de alguém se sentindo pressionado, mas sem inspiração para uma conversa".

Tudo é válido no amor e no jibing, é o que dizem.

Holly Hales