Janja afirma que conjunto de prata foi levado em ato antidemocrático no Planalto

Janja Lula da Silva © José Cruz / Agência Brasil credit:Bang Showbiz
Janja Lula da Silva © José Cruz / Agência Brasil credit:Bang Showbiz

Janja alegou que um conjunto de prata foi levado do Palácio do Planalto no dia da manifestação antidemocrática no Distrito Federal.

A primeira-dama revelou, em entrevista ao ‘Fantástico’ no último domingo (14), que uma peça presenteada por uma embaixada estava em cima da mesa de seu gabinete no Palácio do Planalto, e foi furtada no dia em que os prédios dos Três Poderes foram depredados no início do mês.

‘’Roubaram um conjunto de prata que ganhei de uma embaixada. (...) Não foram só vândalos, são ladrões...’’, disparou Janja.

Recentemente, o presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou acreditar que houve ‘conivência’ na invasão e criticou a segurança do Distrito Federal.

‘’Teve muita gente da Polícia Militar conivente. Teve muita gente das Forças Armadas aqui dentro conivente. Eu estou convencido de que a porta do Palácio do Planalto foi aberta para que gente entrasse, porque não tem porta quebrada. Ou seja, significa alguém facilitou a entrada deles aqui’’, disse ele durante coletiva de imprensa.