44% dos brasileiros reprovam governo Bolsonaro, diz Datafolha; Índice estava em 40% em janeiro

·1 minuto de leitura
Foto: AP Foto/Eraldo Peres
Foto: AP Foto/Eraldo Peres

Além de ser apontado como o principal culpado pelo descontrole da pandemia do novo coronavírus no Brasil, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) também viu a reprovação geral ao seu governo subir de 40% (janeiro) para 44% (março), de acordo com a pesquisa Datafolha publicada na noite desta terça-feira (16).

O levantamento aponta ainda que 30% consideram a gestão Bolsonaro "ótima ou boa" (eram 31% em janeiro). 24% avaliam o governo como 24% (eram 25% em janeiro).

Leia também:

Em relação à pandemia, que está em sua pior fase no Brasil [nesta terça-feira, o país bateu o recorde de óbitos em um único dia com 2.798 mortos], 54% dos brasileiros ouvidos pelo instituto acreditam que Bolsonaro é o principal culpado pela forma como vem lidando com a crise sanitária do país. 

O índice de desaprovação relativo à condução da pandemia cresceu 6% em relação ao levantamento anterior, estabelecendo um novo recorde para o presidente. No total, a pandemia já matou mais de 282 mil pessoas no país, além de ter infectado mais de 11,6 milhões. 

Ainda segundo a pesquisa mais recente, 22% consideram a gestão de Bolsonaro na pandemia como ótima ou boa, contra 26% em janeiro. Ainda 24% veem a forma como o presidente lida com a pandemia como regular, ante 25% na pesquisa anterior.

O Datafolha ouviu 2.023 pessoas por telefone na segunda e na terça-feiras. A margem de erro da pesquisa é de 2 pontos percentuais.