Juliana Paes critica Bolsonaro e políticos: “Perderam a noção”

·2 minuto de leitura

Juliana Paes é uma atriz que dificilmente aborda questões políticas em suas redes sociais, mas só hoje, ela se pronunciou sobre dois acontecimentos. O primeiro fato, foi sobre o depoimento da médica Nise Yamaguchu, que aconteceu ontem, 01, na CPI da covi-19. Em seu stories no Instagram, a artista postou uma foto da médica e escreveu: “Show de horror e boçalidade na CPI da Covid. Certa ou errada... Não importa! Intimidação, coação, fala interrompida... Mulher merece respeito em qualquer ambiente”.

E mais recentemente, ela saiu em defesa da jornalista e apresentadora da CNN Brasil, Daniela Lima, que foi chamada de “quadrúpede” pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), aliás, essa não é a primeira vez que o presidente falta com respeito com os profissionais da imprensa. “Quadrúpede???? Vocês políticos perderam toda noção de civilidade? Tá tudo errado!!!”, se indignou.

Este conteúdo não está disponível devido às suas preferências de privacidade.
Para vê-los, atualize suas configurações aqui.

Leia também:

A ação da atriz teve repercussão e poeticamente ela disse: “O que foi dito a rosa que a fez desabrochar. Foi dito aqui em meu coração”. Em outra postagem, Juliana foi além, e compartilhou um trecho do livro ‘Minutos de Sabedoria’, de C. Torres Pastorino, que diz: “NÃO se deixe arrastar pela vaidade. Aprenda a conhecer-se. Não se julgue indispensável. Quando lhe vier a tentação de julgar-se insubstituível, lembre-se de uma verdade irrefutável: só Deus é indispensável. Não se envaideça! Deus, que é grande, não assinou nenhuma de suas obras... Não se esqueça: quem se exalta será humilhado, mas quem se humilha será exaltado”.

Vale lembrar que a artista já foi alvo de críticas, quando após uma entrevista ao jornal O Globo, em 2019, ela respondeu sobre a situação do país, na época ela disse: “Torço para que o país dê certo, independente de quem esteja em Brasília. Não bato palma pra tudo que o presidente Jair Bolsonaro diz, mas vamos apoiar já que ele está lá. Não vou boicotar. Essa polarização é boba”, disse. Em defesa, a atriz respondeu os internautas e afirmou que não era bolsonarista.