Com pronunciamento de Bolsonaro anunciado, Panelaço vira hashtag

Pronunciamento de Bolsonaro está marcado para acontecer às 20h30. (Foto: Evaristo Sá/AFP via Getty Images)

O anúncio do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de que fará um pronunciamento em cadeia nacional de rádio e televisão, às 20h30 desta quinta-feira (12), fez subir a tag #Panelaço no Twitter. O ato de bater panelas em protesto durante os pronunciamentos oficiais da Presidência ficou popular principalmente no governo de Dilma Rousseff (PT).

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Notícias no Google News

Na live do Facebook desta quinta, Bolsonaro afirmou que os protestos em seu favor e contra STF e Congresso, que aconteceriam no domingo, dia 15, deveriam ser “suspensas por um ou dois meses” por conta do surto de coronavírus. “O recado ao Congresso está dado”, disse Bolsonaro na transmissão ao vivo.

Leia também

Esse deverá ser também o assunto do pronunciamento oficial do presidente em rádio e TV. O assunto chegou a ser o 6º tema mais comentado no Trending Topics do Brasil, com 2,5 mil tweets.

CORONAVÍRUS

O pedido do presidente deve acontecer devido à escalada dos casos de covid-19 no Brasil e após a declaração da OMS (Organização Mundial de Saúde) de pandemia do novo coronavírus. Na tarde desta quinta, o Ministério da Saúde atualizou o número de casos confirmados no país para 77.

O coronavírus chegou ao Palácio do Planalto nesta quinta. O chefe da Secom (Secretaria Especial de Comunicação), Fábio Wajngarten, testou positivo na prova e na contraprova para a covid-19. O secretário fez parte da comitiva do presidente que viajou a Miami, nos EUA, na semana passada, e esteve próximo de Bolsonaro.

Após a confirmação de contágio em Wajngarten, o próprio Bolsonaro foi submetido ao teste. Os resultados sairão só na sexta-feira (13), mas mesmo assim a rotina do presidente já foi alterada. Até a divulgação dos resultados, a recomendação passada para Bolsonaro é de permanecer no Palácio da Alvorada.

Além de Bolsonaro, Michelle e seu filho Eduardo também realizaram testes nesta quinta-feira (12), uma vez que também integravam a comitiva presidencial. Durante os eventos nos EUA, Wajngarten tirou uma foto ao lado do presidente dos EUA, Donald Trump, do vice-presidente, Mike Pence, e do apresentador de TV Álvaro Garnero.

Bolsonaro completará 65 anos no próximo dia 21 de março. Outro integrante da comitiva, general Augusto Heleno, ministro do GSI (Gabinete de Segurança Institucional), com 72 anos, também realizou testes para o covid-19.

Confira algumas postagens:

Siga o Yahoo Notícias no Instagram, Facebook e Twitter e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.